AMD Radeon RX 6600 XT é anunciada com foco em 1080p por US$ 379

1 min de leitura
Imagem de: AMD Radeon RX 6600 XT é anunciada com foco em 1080p por US$ 379
Imagem: Divulgação/AMD

Nesta quinta-feira (29), a AMD anunciou a Radeon RX 6600 XT durante a conferência Chinajoy. Com foco em games em Full HD, a GPU será um modelo de "entrada" da série RX 6000, contando com nova arquitetura RDNA 2.

A placa será disponibilizada no dia 11 de agosto por suas parceiras tradicionais, como a ASRock, a Asus, aBiostar, a Gigabyte, a MSI, a PowerColor, a Sapphire, a XFX e a Yeston. O preço mínimo sugerido é de US$379, cerca de R$ 1.945 em conversão direta

A AMD apresentou comparações de desempenhos da nova placa com a geração passada. Como é possível observar na imagem abaixo, o hardware é 1,7 vezes mais rápido que a sua antecessora com RDNA1 no jogo Doom Eternal.

Comparação de frames por segundo em jogos diferentesComparação de frames por segundo em jogos diferentesFonte:  Divulgação/AMD 

A empresa também alega que o produto supera o desempenho da RTX 3060 em alguns jogos em 1080p — selecionados pela AMD. Confira com mais detalhes no gráfico abaixo.

Comparação entre a RX 6600 XT e a RTX 3060Comparação entre a RX 6600 XT e a RTX 3060Fonte:  Divulgação/AMD 

Você pode conferir todos os detalhes do anúncio oficial na apresentação publicada em vídeo — disponível apenas em inglês, por enquanto.

Especificações técnicas

O clock base da RX 6600 XT é de 1.968 MHz, com boost para até 2.589 MHz — 2359 MHz de frequência em jogos. O modelo conta com 32 unidades computacionais (CUs) e 2.048 processadores stream. Além disso, o produto tem suporte para ray tracing com 32 aceleradores e AMD FidelityFX.

A placa de vídeo vem com 8 GB de VRAM GDDR6 rodando a 16 Gbps em uma interface de 128 bit, então a largura de banda é de 256 GB/s, e possui 32 MB de Infinity Cache.

A família RX 6000 com a nova placa de vídeoA família RX 6000 com a nova placa de vídeoFonte:  Divulgação/AMD 

O consumo é de 160W, sendo alimentada por um conector único de 8 pinos; a empresa recomenda uma fonte de pelo menos 500 W.