Microsoft estudou aumentar receitas de desenvolvedores em 18%

1 min de leitura
Imagem de: Microsoft estudou aumentar receitas de desenvolvedores em 18%
Imagem: https://www.xbox.com/pt-BR/microsoft-store

Através de um documento confidencial que está sendo utilizado no caso judicial da Epic e Apple, foi confirmado que a Microsoft estudou planos de aumentar a receita dos desenvolvedores na venda de jogos, reduzindo sua própria participação nos lucros em 18% para favorecer a competitividade.

O relatório vazado afirma que “todos os jogos adotarão o sistema 88/12 no AF21,” e sugere que a mudança foi incluída para produzir um impacto significativo no relacionamento entre a Microsoft e os estúdios, que atualmente distribuem os lucros em proporções de 70/30, respectivamente. Essa medida seria um acréscimo a outra proposta da empresa (via The Verge), que planeja reduzir os impostos em jogos de PC de 30% para 12%.

(Fonte: The Verge / Reprodução)(Fonte: The Verge / Reprodução)Fonte:  The Verge 

Quando questionado sobre os dados apresentados nos documentos, um porta-voz da Microsoft disse que "não existem planos para alterar a fatia das receitas com jogos de console", e deixou a entender que a nova política de distribuição nos consoles mencionada pela empresa — em relação ao Xbox One e Xbox Series S/X — foi descartada ou não está no cronograma por enquanto, mesmo com sua estratégia fazendo referência ao ano fiscal de 2021, que encerra em setembro deste ano.

Até o momento, nada foi confirmado sobre uma suposta aplicação de uma inédita divisão de lucros no mercado dos consoles por parte da Microsoft, porém a notícia surge para inflamar de vez a competitividade entre as grandes marcas e para agitar os bastidores.

Microsoft estudou aumentar receitas de desenvolvedores em 18%