Game Boy que sobreviveu à Guerra do Golfo ainda funciona

1 min de leitura
Imagem de: Game Boy que sobreviveu à Guerra do Golfo ainda funciona
Avatar do autor

Não há dúvidas de que a Nintendo é a rainha dos consoles portáteis, mas quem diria que um deles aguentaria até um bombardeio. Você pode até ter ouvido falar do famoso Game Boy que sobreviveu a um ataque em plena Guerra do Golfo, mas sabia que ele ainda funciona?

O portátil pertencente ao antigo soldado Stephan Scoggins estava em uma das barracas atacadas na guerra que ocorreu de 1990 a 1991. Felizmente, Scoggins não se machucou, mas ficou devastado ao encontrar seu Game Boy praticamente todo queimada e derretido

O Game Boy indestrutível

Com alguma esperança no coração, o soldado entrou em contato com a Nintendo para saber se era possível consertar o portátil ou, pelo menos, receber um novo como substituto.

Até que o pequeno console não ficou tão feio assimAté que o pequeno console não ficou tão feio assimFonte:  Esquire/Reprodução 

Com o Game Boy em mãos, funcionários da Nintendo ficaram impressionados por partes dele ainda estarem parcialmente intactas, apesar do estrago visível na carcaça. A conclusão é de que os botões não funcionavam e que a placa mãe estava bem exposta.

Só que isso não impediu a Nintendo de tentar algo inusitado: inserir um cartucho de Tetris, um dos jogos mais vendidos do Game Boy, e ver o que acontecia. Para a surpresa de todos, não só era possível ligar o console, como o jogo rodava até que muito bem.

É claro que sem os botões funcionando, nunca foi possível jogar algo nele novamente. Ainda assim, só dele funcionar parcialmente após ser bombardeado na Guerra do Golfo já era bem impressionante.

Se estiver em Nova York, não dá para deixar de visitar esse portátil guerreiroSe estiver em Nova York, não dá para deixar de visitar esse portátil guerreiroFonte:  Dual Shockers/Reprodução 

No fim, Stephan conseguiu um novo Game Boy e a Nintendo ficou com o antigo. Na verdade, você mesmo pode vê-lo pessoalmente se for na loja oficial da Nintendo em Nova York. O portátil está exposto atrás de uma vitrine há anos com uma pequena nota mencionando que, de fato, ele ainda funciona.

Com tantos consoles atuais dando problema no dia do lançamento, até que não seria ruim ver esse tipo de durabilidade novamente, não acha? Comente!

Game Boy que sobreviveu à Guerra do Golfo ainda funciona