Até há alguns dias, tudo parecia perdido para os viners, já que os fãs ardorosos da rede social de microclipes tiveram que lidar com o fim derradeiro da plataforma como ela era conhecida até agora e tentar conviver com um aplicativo que não parece fazer um bom trabalho para tomar seu lugar. Felizmente, parece que o Twitter resolveu atender as preces de quem não tinha conseguido salvar seus vídeos favoritos do Vine e criou um recurso que funciona como uma espécie de museu que abriga tudo o que foi publicado por lá.

O Vine Archive (algo como Arquivo Vine) foi colocado no mesmo endereço do antigo site do serviço e é uma verdadeira viagem no tempo, principalmente para quem participava dessa comunidade desde idos de 2013. Os mais saudosos, por exemplo, podem conferir logo de cara as compilações das postagens mais populares de cada ano, enquanto os novatos têm a possibilidade de mergulhar de cabeça em seções de destaque, como Animais, Arte, Esportes, Música & Dança, Comédia e outras.

O novo site abriga toda a história do Vine

Rolando a página para baixo ainda dá para conferir as escolhas dos editores, que recomendam os clipes de seis segundos mais interessantes do pedaço, e algumas das listas de reprodução mais icônicas do Vine – muitos deles com centenas de milhões de visualizações. O novo portal também permite visitar o perfil de todo mundo que fez parte da rede, incluindo diversas celebridades que nasceram nela, e consultar as suas antigas contribuições ao acervo – ou apagá-las, se preferir.

A cachorrinha Maple foi um dos astros do Vine

Boa parte do conteúdo foi congelada no tempo

Apesar disso, vale dizer que o site é bem mais limitado quando comparado ao original, uma vez que boa parte do conteúdo foi congelada no tempo. A opção de incorporar os vines em outras plataformas, por exemplo, sumiu de vez, enquanto número de curtidas, comentários, compartilhamentos e demais estatísticas de interação se tornaram eternizadas e estáticas no momento que o Twitter decidiu encerrar o Vine. Será que oferecendo essa janela para o passado a empresa consegue convencer os usuários a aceitarem o Vine Camera?

Cupons de desconto TecMundo: