Parece que os usuários do YouTube arrumaram mais uma utilidade para o site de compartilhamento de vídeos mais popular do Brasil. No dia 25 de agosto, o YouTube confirmou que irá começar a dividir receita com publicidade entre os donos dos vídeos mais populares do serviço. Além de servir para a diversão, entretenimento e informação, o YouTube também poderá ser uma fonte de renda aos seus usuários.

Especula-se que o sistema de remuneração do YouTube seja semelhante ao de outros sites de compartilhamento de vídeo como o Metacafe. O Metacafe, por exemplo, paga US$5 a cada mil exibições de um vídeo. O que se sabe é que os vídeos selecionados para participarem da “partilha” terão anúncios de publicidade em suas páginas.

Os vídeos elegíveis para participar da iniciativa são os que já possuem destaque no site, ou seja, que já foram assistidos milhões de vezes. Especula-se que apenas trinta usuários brasileiros serão convidados pelo próprio Google a participar, porém qualquer um pode requerer a participação indo até a área de parcerias. Ao solicitar a parceria, o YouTube avalia alguns pontos sobre sua conta e emite um parecer sobre a probabilidade de o seu perfil – até aquele momento – ser promissor e render dinheiro.

Você e o YouTube parceros de negócios.

Há outras maneiras de conseguir um dinheiro extra com os serviços Google. Quem possui uma página na web pode inserir AdSenses  em blogs ou sites e receber dinheiro proveniente de publicidade, por exemplo.

AdSensens Google em seu site

Ainda não há confirmação para o valor do pagamento pelo conteúdo dos vídeos, mas mesmo que não seja um valor alto – o que provavelmente não será – este é mais um incentivo aos usuários para criarem conteúdo com mais qualidade. Há quem desconfie desta parceria, pois o YouTube ainda não consegue nem se autofinanciar, quem dirá dividir verba de publicidade. E você usuário? Esta disposto a caprichar mais em seus vídeos para ter uma graninha extra na conta?