Dos oito times latinos no torneio mundial de Halo, só resta um brasileiro

2 min de leitura
Imagem de: Dos oito times latinos no torneio mundial de Halo, só resta um brasileiro
Avatar do autor

O torneio mundial de Halo, ou Halo World Championship, está muitíssimo bem representado pela América Latina - e, sobretudo, pelos brasileiros. Para quem está acompanhando as disputas nas postagens da cobertura que o TecMundo está fazendo na Cidade do México, a convite da Microsoft, a pipoca está garantida.

O andamento do torneio está um pouco emperrado para as equipes brasileiras. Ao todo, são oito times latino-americanos classificados para as finais regionais, dos quais três vestem a camisa do nosso país, três pertencem ao México, um é da Colômbia e o outro é da Argentina. Desses oito times, quatro seguem às semifinais que definirão a grande final neste domingo, dia 14. E duas equipes brasileiras já foram eliminadas.

Os grupos e as partidas

Conforme já publicado aqui, os grupos foram divididos em A e B, e o esquema adotado foi o melhor de três. O Grupo A era originalmente composto por Gideon (Argentina - eliminado), Team Callidus (Brasil - eliminado), Chosen Legacy (México) e After Life Gaming (México). O Grupo B, por sua vez, reúne as equipes GG Team (Brasil), Insane OnFire (Colômbia), Chosen Squad (México) e Black Lotus BR (Brasil - eliminado).

O grupo After Life Gaming é um verdadeiro "carrasco" no lado do México

Como não poderia deixar de ser, o jogo utilizado como palco para as disputas é Halo 5: Guardians. As três modalidades principais adotadas são Strongholds, Team Slayer e o célebre Capture the Flag. Os mapas Coliseum e The Rig estão entre os favoritos dos brasileiros. Somente o GG Team sobrevive para representar o Brasil agora. O placar de maior destaque da equipe é o de 100 a 20 sobre o Black Lotus BR, também brasileiro e já eliminado, no modo Strongholds, mapa Eden. As disputas ainda estão rolando.

O México, até aqui, segue intacto com suas três equipes. Em todas as partidas, os torcedores presentes no local gritaram e ovacionaram os times de seu país em rodadas marcadas por doses emocionantes.

Torcedores mexicanos vão à loucura e vibram com entusiasmo durante as partidas

Como já explicado, das oito equipes, quatro seguem às semifinais e à grande final neste domingo, 14. O vencedor vai a Los Angeles, nos EUA, disputar o título mundial em março. O prêmio para o primeiro lugar desta etapa regional da América Latina é de US$ 15 mil. Lá nos EUA, o acumulado para a grande final é de US$ 2,5 milhões.

O TecMundo segue com a cobertura completa e postará mais novidades do torneio, bem como um balanço completo, após o término das rodadas deste sábado.

E aí, será que vai ter alguma equipe do Brasil em Los Angeles para a final do torneio mundial de Halo? Opine no Fórum do TecMundo.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Dos oito times latinos no torneio mundial de Halo, só resta um brasileiro