Atualmente temos três grandes fabricantes comandando o mercado dos consoles: Nintendo, Sony e Microsoft; mas isso pode mudar em breve. Segundo a empresa de pesquisa Niko — especialista em games no mercado asiático —, o Alibaba pode estar querendo entrar nesse mercado, lançando o seu próprio console de video games na China.

O governo chinês baniu os consoles do país por 15 anos, proibição que terminou esse ano e resultou no anúncio oficial de lançamento do PlayStation 4 e do Xbox One por lá.

Mas e que tipo de console o Alibaba pode estar querendo lançar? Algumas pessoas especularam poderia se tratar de um aparelho baseado em Android, entretanto, esse tipo de plataforma não é exatamente uma novidade já que diversos fabricantes já possuem plataformas assim. Inclusive muitos estão à venda no próprio AliExpress.

De acordo com Lisa Cosmas Hanson, gerente da Niko Partners, o Alibaba quer ir direto para o topo e enfrentar os gigantes com um console high end a ser lançado já em 2016. O que ajuda a fortalecer o rumor é a novidade de que a AMD está programando o lançamento de um novo chip para consoles que deve chegar ao mercado em... adivinhe... 2016.

Jack Ma, fundador e chairman do Alibaba Group

Como já sabemos, a AMD fornece os chips dos três principais consoles disponíveis no mercado atualmente, logo, não seria impossível que ela estivesse presente em mais uma plataforma.

Lançar um novo console custa caro

A Microsoft sofreu quando entrou no mercado de consoles com o primeiro Xbox. Apesar de ter um produto de qualidade, ela precisou investir muito dinheiro em desenvolvimento e marketing até se estabelecer no ramo ao lado da Sony e da Nintendo.

E se a questão é dinheiro, esse definitivamente não é o problema do Alibaba: há pouco tempo a empresa realizou o maior IPO (oferta pública inicial) da história, arrecadando mais de US$ 20 bilhões na Bolsa de Valores de Nova York.

A empresa também não para de crescer, vendendo cada vez mais para países como Estados Unidos, Rússia e Brasil. Os Correios, inclusive, fecharam uma parceria que visa facilitar a importação e exportação de produtos através do portal. Além disso, essa presença em países estrangeiros também pode facilitar a pulverização do console pelo mundo.

Mas e os jogos?

Cosmas Hanson também afirma que o Alibaba já está em contato com uma série de estúdios para a produção de games para o console além, é claro, de empresas chinesas que recebem apoio do governo para a criação de conteúdo local.

A empresa também investiu recentemente em uma plataforma social de games chamada KTplay e investiu pesado em outras empresas como ramo como a Kabam. Além disso, o Alibaba também está ajudando a Rovio a levar o game Anngry Birds: Stella para a China.

Apesar de esse console ser apenas um rumor, vimos que a empresa tem potencial para tornar isso realidade.

O que você acha dessa novidade?

Cupons de desconto TecMundo: