A fiscalização contra a utilização do aplicativo Uber está apertando em São Paulo, mas a situação ainda está indefinida na capital do país, Brasília. O governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg, vetou o projeto de lei que sugeria a proibição de aplicativos com a finalidade de transporte particular de passageiros pela cidade.

O veto foi acompanhado da criação de uma comissão que estudará a possibilidade de regulamentar o serviço. O objetivo será de “convidar a sociedade civil organizada para discutir não apenas questões que envolvem o Uber, mas também toda a legislação que norteia o transporte privado remunerado”.

No entanto, o governador também destacou que, apesar da falta de regulamentação atual, os motoristas ainda podem ser autuados pelo transporte remunerado sem a licença, estabelecendo a retenção do veículo e uma multa. Também foi reforçado que o Detran e a Polícia Militar continuarão com a fiscalização na cidade de Brasília.

Quem você acha que está certo, a Uber ou os taxistas? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: