O Uber deve adquirir parte do sistema de mapas do Bing, bem como em torno de cem engenheiros da Microsoft envolvidos com o software, para trabalhar em sua própria ferramenta de mapas. E isso deve ocorrer em um futuro próximo, já que a transação, segundo o site TechCrunch, foi confirmada por ambas as companhias.

Para que esses dados e funcionários serão usados especificamente? Isso é algo que ainda não foi revelado. Mas não é preciso pensar muito para imaginarmos do que se trata: considerando a recente investida da Uber em comprar o Nokia HERE Maps, é bem provável que a empresa esteja determinada a criar seu próprio aplicativo de mapeamento para usar em conjunto de seu serviço de aluguel de carros.

Quanto aos ativos vendidos pela Microsoft? Essas provavelmente devem ser fotos e imagens capturadas para a utilização do Bing Maps, de maneira que o Uber poderá trazer seu próprio serviço com um investimento muito menor e menos demorado. A confirmação disso tudo, no entanto, só devemos descobrir com o tempo.

Cupons de desconto TecMundo: