(Fonte da imagem: Divulgação/Twitter)

Uma verdadeira rede de comércio ilegal foi descoberta sem querer por um membro do Twitter que teve a conta invadida e roubada recentemente. Ao pesquisar sobre o ataque, Eric Weaver notou que a senha para o perfil @weave, antes pertencente ao rapaz, era vendida por um valor próximo a US$ 10 em um fórum destinado a hackers.

O mesmo aconteceu com o dono do perfil @blanket (“cobertor”, em inglês), que chegou a recuperar o nome ao conversar com o hacker responsável pelo roubo: um jovem norte-americano de 14 anos que ganhava alguns trocados invadindo e vendendo contas especiais na rede social.

Segundo o Huffington Post, logins encurtados no Twitter, como @adam, @john, @mind e até @Bond, por exemplo, são muito disputados. Além de fornecerem mais alguns caracteres para quem vai enviar uma mensagem a você, esses perfis se tornaram uma espécie de moda, sendo estiloso manter um deles – apesar de poucos estarem disponíveis hoje em dia. O jeito, portanto, é roubar ou comprar um dos produtos furtados.

Algumas vendas funcionam a partir de leilões de contas únicas ou pacotes de logins, enquanto outras são feitas “por ecomenda”, quando alguém deseja um nome específico – e aí o valor pode chegar a até US$ 100 (cerca de R$ 200).

O Twitter, apesar de ter se recusado a comentar que falhas de segurança eram facilmente exploradas por esses hackers, diz que se dispõe a ajudar a recuperar as contas de quem provar ter sido vítima de um desses ataques, apesar de isso não ser tão fácil quanto parece.

Fonte: Huffington Post

Cupons de desconto TecMundo: