Não está muito longe da verdade afirmar que 2048 atingiu uma fama similar ao jogo Flappy Bird: ambos foram febre durante o lançamento, possuindo não apenas uma versão mobile, mas também algumas alternativas online.

Diferente do game do passarinho, no entanto, 2048 apresenta um objetivo bastante claro: conseguir criar um bloco com o número equivalente ao do título – o que se prova impossível nas primeiras tentativas.

Se você ainda não elaborou uma estratégia para vencer o puzzle, este artigo apresenta algumas dicas para você usar durante as partidas. Ao se focar no uso de determinados movimentos e evitar a realização de outros, você consegue manter as peças maiores isoladas nos cantos, facilitando a sua utilização posterior.

O maior conselho, no entanto, é sempre manter a calma: afinal, é normal querer terminar logo e acabar cometendo erros básicos por estar afoito. Portanto, siga as orientações abaixo, mantenha a cabeça fria e pense em cada movimento realizado. Com um pouco de sorte, em 15 minutos é possível zerar o jogo.

1. Técnica do Canto

  • Movimentos: cima e esquerda.

Nesse método, você escolhe um dos cantos do quadrado e se foca nele. Ou seja, caso você opte pelo canto superior esquerdo, é necessário realizar apenas os movimentos para cima e para a esquerda (outros cantos exigem outros movimentos).

Dependendo do seu azar, é possível ficar preso logo no início da partida, não havendo como realizar movimentos nas direções desejadas. Nesse caso, é preciso arriscar e fazer um movimento para baixo (ou para cima); porém, nunca para o lado oposto ao do bloco de maior número, ele deve sempre ficar no canto (um “2” pode aparecer em seu lugar, caso você arrisque, comprometendo o sucesso da partida).

2. Técnica dos Três Lados

  • Movimentos: cima, baixo e esquerda.

A segunda técnica mencionada aqui apresenta uma variedade muito maior de movimentos: com ela, você escolhe um dos quatro lados e o ignora completamente, nunca realizando movimentação nenhuma na sua direção. A única exceção para essa regra é no final do jogo, quando já houver um 1024  em jogo, pois, nessa altura é muito mais comum ficar preso e com poucos movimentos disponíveis.

Fonte da imagem: Reprodução/Bruna Fujie (Designer do Grupo NZN)

Diferente do primeiro método, no qual você realiza apenas dois movimentos e espera pelo melhor, a Técnica dos Três Lados exige que o seu usuário pense um pouco mais antes de realizar os movimentos: considerando as peças já existentes, é preciso levar em conta as uniões de blocos formados pela próxima movimentação, de modo a deixá-lo perto de outro número igual ao seu.

3. Técnica Salve-se Quem Puder

  • Movimentos: qualquer um.

Uma alternativa possível com grandes chances de fazer você economizar algum tempo (e chances iguais de resultar em fracasso) é escolher uma sequência aleatória de movimentos e realizá-los seguidamente durante algum tempo. Quando uma peça de 128 ou 256 for criada, este método deixa de ser eficaz e torna-se apenas um suicídio, pois deixa o tabuleiro repleto de blocos pequenos com baixa utilidade.

Para usar a Técnica Salve-se Quem Puder, você realiza movimentos pensando em criar novos blocos, tentando apenas não deixar o tabuleiro muito cheio. Quando finalmente uma peça relevante for obtida, é preciso escolher seguir com uma das outras técnicas já mencionadas acima – assumindo que seja possível cumprir os seus pré-requisitos, os quais se resumem a manter o maior bloco do tabuleiro em um de seus cantos.

Com as três dicas acima, você tem mais chances de conseguir zerar o game 2048. Caso os movimentos realizados sejam bem pensados e um padrão seja seguido, basta manter a calma em todos os momentos da partida que, eventualmente, depois de algumas dezenas de tentativas, é possível criar o bloco de número 2048 e considerar-se um vencedor na vida.

Cupons de desconto TecMundo: