Que novidades viriam por parte da NVIDIA o mercado já não imaginava. Só não se sabia o quão impactantes elas poderiam ser e até que ponto a empresa que é referência em placas de vídeo estaria disposta a entrar pra valer no jogo dos tablets.

A resposta veio na convenção realizada na tarde de hoje durante a CES 2010. A empresa apresentou um poderoso tablet, com recursos gráficos superiores até mesmo ao dos desktops, e surpreendeu o público com um dos lançamentos mais interessantes do evento.

 

NVIDIA

A proposta da empresa é bastante simples e óbvia. Embora os smartphones tenham ampliado as suas possibilidades eles ainda são limitados para acessar determinados tipos de serviço. Muitos deles – mais de 100 milhões de sites, como informa a pesquisa apresentada pela NVIDIA – só podem ser conferidos satisfatoriamente em um notebook ou PC.

A proposta do tablet Tegra é, justamente, unir esses dois conceitos: a portabilidade de um iPhone com os recursos de potência de um computador convencional. Assim surge um tablet com oito processadores independentes, Dual Core Cortex A-9 CPU e performance até dez vezes superior a dos smartphones tops de linha com um consumo de energia vinte vezes menor.

Em termos de desempenho, segundo a NVIVIA o tablet estará habilitado para 140 horas de música ou até 16 horas de vídeo em HD. Os computadores estarão disponíveis já em 2010 no mercado e, com o que apresentou, a empresa se posiciona entre as primeiras com um dos produtos mais interessantes.

 

Visual do novo tablet. Foto: NVIDIA/Divulgação.

Além do tablet a NVIDIA apresentou ainda algumas outras aplicações para ele, como a execução do Adobe AIR no produto que pode abrir mercado para uma série de revistas eletrônicas interativas – outra possibilidade já que o formato se assemelha aos e-readers.

Em se tratando de GPUs a empresa anunciou a GF 100. Trata-se de uma placa com suporte gráfico para os efeitos em 3D. Aliás, os efeitos de 3D parecem ser atenção principal da empresa a partir de agora, em um momento em que “parece não haver mais muito o que fazer em termos gráficos”, explica Jen-Hsun Huang CES da NVIDIA.

Envolver o usuário em uma experiência 3D parece ser o caminho encontrado para o avanço tecnológico da empresa. A NVIDIA apresentou uma experiência com três monitores lado a lado, em formato côncavo, totalizando nada menos que 6 milhões de pixels em 120Hz. A exibição em 3D, dessa forma, cobre todo o campo de visão do jogador que tem a sensação de estar imerso na realidade do game.

A tecnologia da empresa estará presente também em outras marcas. ASUS, Clevo e MSI devem anunciar laptops com elementos gráficos que explorem os efeitos 3D. Acer, Samsung e LG irão apresentar telas LCD com suporte a nova tecnologia da NVIDIA.

Outro item que mereceu atenção também na conferência da empresa foram tecnologias gráficas para GPS e telas automotivas. A proposta é que os produtos possam proporcionar uma experiência gráfica mais impacte na integração com mapas e GPS.

O que você achou das novidades da NVIDIA? Você acredita que assim como no cinema com os filmes em 3D ou jogos em terceira dimensão serão um diferencial para os próximos anos? Dê a sua opinião.

Cupons de desconto TecMundo: