A Toshiba é uma das empresas mais tradicionais dentro do segmento de aparelhos eletrônicos. No entanto, nem mesmo o longo tempo de experiência foi capaz de proporcionar bom senso ao departamento que aprovou os últimos comerciais para os tablets com Windows fabricados pela empresa.

Lançados em inglês e francês (por conta do Canadá), os comerciais foram retirados do canal oficial da companhia no YouTube poucas horas após terem sido colocados no ar. Isso porque, apesar de apresentarem ideias inofensivas (como uma aula de yoga para acabar com o stress causado por tablets ruins), o resultado final foi considerado sexista pelos espectadores.

Enquanto todas as peças publicitárias estão marcadas como privadas no YouTube, uma delas – na qual um tablet da companhia disputa o foco dos espectadores com o decote da atriz – foi salva por um usuário e pode ser vista acima.

Fonte: Phone Arena

Cupons de desconto TecMundo: