Você já pensou em pagar por um produto que pode ter de graça? O BitTorrent, grupo responsável pelo protocolo de compatilhamento de arquivos mais usado atualmente, acha que sim: a companhia vai lançar um seriado que só será produzido e disponibilizado para download para um número mínimo de pessoas que topar financiar o projeto.

A série é "Children of the Machine", uma mistura pós-apocalíptica de poucos detalhes divulgados, mas que envolve jovens adultos, cultura digital, androides e aquecimento global. A produção é do Rapid Eye Studios, que gastará US$ 1 milhão só no piloto, que será transmitido de graça como forma de avaliação do consumidor.

O projeto faz parte do Bundle, um serviço oferecido pelo BitTorrent desde 2013 no qual o artista vende pacotes de conteúdos (como uma discografia completa) normalmente com itens extras. Desta vez, entretanto, a loja virtual será usada em parceria com o sistema de crowdfunding: uma temporada de oito episódios de "Children of the Machine" só será feita se ao menos 250 mil pessoas pagarem antecipadamente US$ 10 pelo acesso — sendo que o estúdio recebe a maior parte, mas envia uma fatia dos lucros ao BitTorrent.

A empresa diz ter recebido inspiração de projetos como Kickstarter e Netflix, decidindo lançar uma mistura de ambos. O projeto é um teste e, caso funcione, pode abrir espaço para mais conteúdo original na rede.

Cupons de desconto TecMundo: