[Atualização 20/02/2015]

A TIM confirma que, a partir de 20 de março, implementará mais uma fase do bloqueio de acesso à internet após o atingimento do limite da franquia contratada. Essa mudança já foi comunicada para todos os clientes do segmento pré-pago e controle no Brasil e para usuários planos pós-pagos Liberty (+50, +100, +200, +400 e +800) dos estados de Pernambuco, Rio Grande do Sul e da área de DDD 19, no interior de São Paulo, que contarão com a nova regra de consumo, gradativamente, até dia 18 de março.

Agora, na data mencionada neste último comunicado, a alteração será ampliada para clientes do segmento pós-pago de todo o país, dos planos Infinity Pós (que não é mais comercializado), Liberty (+50, +100, +200, +400 e +800), Liberty Express (+40 e +120) e Liberty Web (para tablets e modem).

Vale destacar que a medida é aderente às normas da Anatel e busca oferecer uma melhor experiência de navegação móvel e evitar qualquer tipo de dúvida em relação à oferta contratada. Em linha com seu compromisso com a transparência, a operadora está comunicando com antecedência a mudança a todos os clientes impactados via SMS e atualizando os regulamentos das ofertas em seu site.

Como funciona?

A TIM esclarece que o cliente será alertado por mensagem de texto quando estiver próximo de atingir sua franquia contratada e quando o pacote esgotar. Neste último SMS, ele receberá um link do Portal TIM, onde terá a possibilidade de contratar imediatamente um pacote adicional de dados ou migrar para uma oferta com a franquia maior de forma simples e rápida, pelo próprio celular. Os pacotes de dados da TIM para o segmento pré-pago ou controle variam de 10 MB a 100 MB diários e custam a partir de R$ 0,75 por dia de uso. Já os pacotes dos planos pós-pagos variam de 300MB a 50GB mensais e custam a partir de 21,90 por mês. Vale reiterar que os clientes podem acompanhar o consumo de dados enviando gratuitamente um SMS com a palavra CONSUMOWEB para o número 4141.

[Notícia original]

Quem é dono de um plano pós-pago na TIM com franquia de dados mensal começará a ter a internet móvel bloqueada totalmente quando atingir 100% do volume contratado.

De acordo com o jornal Folha de São Paulo, a medida será iniciada em 20 de março e já era adotada nos planos pré-pagos pela própria empresa e por outras operadoras que atuam no Brasil. O processo já foi implementado no Rio Grande do Sul, em Pernambuco e em cidades do interior de São Paulo. Outros pontos do país serão adicionados aos poucos.

Em um tutorial no site oficial da operadora, a TIM oferece duas possibilidades aos clientes que tiverem a internet cortada após exceder o consumo. Uma é comprar um pacote de dados superior, ou seja, com um limite maior de navegação mensal.

O outro é contratar o que é chamado de pacote adicional, um volume de dados extra para ser usado até que o mês termine. Ambos podem ser ativados pelo celular, via site da TIM ou em lojas da operadora.

Apesar alguns aplicativos continuarão disponíveis após você exceder o limite da navegação — mas só serviços próprios da operadora. Para dar tempo para o consumidor pensar ou economizar no consumo, quando 80% do pacote for atingido, uma mensagem em SMS será enviada com um link que oferece novos pacotes.

Cupons de desconto TecMundo: