Ah, as maravilhas da internet. Uma ferramenta tão poderosa que permite que rumores sejam criados em diversos parágrafos e depois refutados em apenas 140 caracteres no Twitter. Foi exatamente o que aconteceu hoje cedo quando Elon Musk lançou um tweet dizendo que a Tesla está trabalhando exclusivamente com a Panasonic como fornecedora de baterias para o Model 3, novo carro da companhia.

Todo o rebuliço aconteceu porque ontem uma matéria divulgada pela Reuters sugeriu que a empresa norte-americana estava negociando com a Samsung SDI, divisão de núcleos de energia da gigante coreana, para receber displays e baterias. Foi aí que o "Tony Stark da vida real", como Musk é conhecido, foi ao Twitter para explicas algumas coisas.

"Gostaria de esclarecer que a Tesla está trabalhando exclusivamente com a Panasonic para as células do Model 3. Artigos de jornal dizendo qualquer outra coisa estão incorretos", declarou o executivo.

Os rumores surgiram porque algumas pessoas acreditavam que a Panasonic não conseguiria produzir a quantidade necessária de baterias para os novos carros e que a Samsung SDI poderia ajudar a cobrir o excedente. O CEO da Tesla ainda voltou à rede para reforçar que o Model S e Model X também usam células da fornecedora japonesa.

Um tweet que vale 580 milhões de dólares

A questão é que, com esse único tweet, Musk mexeu com o mercado financeiro, fazendo com que as ações da fornecedora coreana caíssem 8%, o que resultou no "desaparecimento" de US$ 580 milhões. A Panasonic, por sua vez, ganhou US$ 800 milhões no mesmo período.

A explicação por trás dessa movimentação é que os investidores, assim como aqueles que já adquiriram o seu próprio Model 3, estão meio obcecados pelo potencial do veículo. Isso porque ele vai ser o primeiro carro que será mais barato e voltado para a produção em massa, já que os modelos anteriores da Tesla eram muito mais focados no público premium. O resultado da equação é: quanto mais carros da companhia nas ruas, mais dinheiro de volta para quem investir nela. Simples assim.

Com tanto poder concentrado em 140 caracteres, é bom que Elon Musk tenha uma senha parruda para proteger seu Twitter.

Cupons de desconto TecMundo: