(Fonte da imagem: Shutterstock)

Se você acha que seu smartphone é muito seguro, pode deixar de lado qualquer certeza ao conhecer alguns dos aparelhos que têm a segurança como prioridade. O Gizmodo montou uma galeria de imagens para matar a curiosidade de quem gosta de histórias de espião e quer saber como a tecnologia é aplicada quando o assunto é ter conversas totalmente privadas.

A equipe do Tecmundo foi mais a fundo e descobriu algumas informações sobre os aparelhos que mais chamaram a nossa atenção. Confira abaixo alguns deles e confira a galeria completa ao final do artigo.

Linha direta Moscou – Washington

Linha direta Moscou – Washington (Fonte da imagem: Reprodução/Gizmodo)

Se você sempre achou que o telefone vermelho das Meninas Superpoderosas era pura imaginação, pode se surpreender com o primeiro item da lista. Na década de 70, um aparelho vermelho (sem marca ou modelo especificado) funcionava como uma linha direta entre Moscou e Washington. O aparelho foi utilizado pela equipe do presidente norte-americano Jimmy Carter para decodificar mensagens ao longo da Crise dos mísseis de Cuba.

Motorola STU III

George W. Bush usando um STU III após os ataques de 11 de Setembro. (Fonte da imagem: Wikimedia Commons)

O modelo STU III da Motorola é o aparelho que utilizado pela NSA (National Security Agency), a Agencia Nacional de Segurança dos Estados Unidos entre os anos de 1987 e 2008. O equipamento tem um aspecto bastante comum, similar a grande parte dos aparelhos encontrados em escritórios. No entanto, ao fazer ligações para outra unidade STU III, o telefone permite entrar no “modo seguro”, criptografando a conversa para evitar a espionagem.

STE

STE - Equipamento atual do governo norte-americano (Fonte da imagem: Wikimedia Commons)

Quando o STU III tornou-se obsoleto, o governo norte-americano substituiu o aparelho pelo STE (Secure Terminal Equipment). A transmissão de dados é completamente digital, atingindo velocidades de 128k por segundo nas conversas de voz. Assim como o STU III, ele também efetua ligações normais e não codificadas, mas conta com um Cryptocard, que permite criptografar conversas entre equipamentos compatíveis. O STE tem suporte a VoIP e cada terminal custa cerca de US$ 3 mil.

SIGSALY

SIGSALY, o aparelho mais moderno da Segunda Guerra Mundial (Fonte da imagem: Wikimedia Commons)

O SIGSALY foi um sistema de transmissão de voz utilizado na II Guerra Mundial. Embora fosse gigante, ele era o equipamento mais seguro da época e servia para conversas entre países aliados. O SIGSALY trouxe um sistema pioneiro para o meio das telecomunicações, inaugurando a modulação por código de pulso (PCM). A tecnologia do SIGSALY, aliada a embaralhadores de voz foram essenciais para manter as informações seguras.

Navajo-I

Navajo-I: o avô do smartphone (Fonte da imagem: Wikimedia Commons)

Outro aparelho que parece ter saído de filmes antigos de espionagem é o Navajo-I. O aparelho foi construído especialmente para viagens e era montado dentro de uma maleta do modelo “007”. O equipamento foi construído pela Agencia Nacional de Segurança dos Estados Unidos na década de 80. Foram 110 unidades feitas especialmente para agentes seniors e utilizava algoritmos em sua codificação, transmitindo dados de voz a 2.4 kilobits por segundo.

 

 

Fonte: Gizmodo, Web Archive, Federation os American Scientists, NSA

Cupons de desconto TecMundo: