(Fonte da imagem: Divulgação/Anatel)

A Anatel revelou os números por trás do funcionamento do “telefone social”, o novo serviço de ligações focado nas classes econômicas de menor renda. O valor mensal do serviço foi fixado em R$ 13,31 – maior do que o preço estipulado anteriormente, porém menor do que o atual AICE (Acesso Individual Classe Especial), que cobrava R$ 24,12, e que a assinatura doméstica convencional, que sai por R$ 40,24.

A mensalidade dá direito a 90 minutos de ligação entre telefones fixos em chamadas locais. O objetivo é levar o serviço para mais de 22 milhões de famílias brasileiras inscritas em programas sociais do governo, como o Bolsa Família. O novo regulamento entra em funcionamento 60 dias depois de sua publicação, algo que não deve demorar.

Locais que não possuem linha telefônica têm até quatro meses para serem adequados ao novo AICE pelas operadoras responsáveis. Os 12 primeiros meses serão dedicados a levar o serviço a quem recebe até um salário mínimo por mês.

Cupons de desconto TecMundo: