Seguindo o cronograma divulgado no fim do ano passado, mais sete estados brasileiros ganharão um nono dígito nos números de celular a partir do dia 29 de maio: os DDDs 61 (Distrito Federal), 62 e 64 (Goiás), 63 (Tocantins), 65 e 66 (Mato Grosso), 67 (Mato Grosso do Sul), 68 (Acre) e 69 (Rondônia) ganham um 9 que virá na frente do número original.

O anúncio foi feito hoje pela Agência Nacional das Telecomunicações (Anatel), que também aproveitou para explicar que as chamadas sem o nono dígito serão completadas de forma automática até o dia 7 de junho – é o chamado duplo convívio, para que as pessoas das regiões afetadas pela mudança se acostumem. Orientações serão reproduzidas como mensagens entre os dias 8 de junho e 5 de setembro, ajudando a alertar a respeito da alteração.

Conversão total ainda em 2016

Os sete novos estados entram para um clube que já é composto por Alagoas, Amapá, Amazonas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Maranhão, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Roraima, São Paulo e Sergipe – o que exclui, por enquanto, a região Sul do país, que deve receber o nono dígito apenas no final de 2016.

A Anatel aproveitou para informar que a atualização da quantidade de dígitos nos números de telefones celulares pode implicar em ajustes em outros tipos de equipamentos, como PABX e agendas de contatos. O nono dígito deverá ser acrescentado por todos os usuários de telefones fixos e móveis que liguem para os celulares dos estados destacados acima, independente do local de origem.

Você será afetado pela nova leva do nono dígito? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: