watchOS 9: saiba quais relógios são compatíveis com a atualização

1 min de leitura
Imagem de: watchOS 9: saiba quais relógios são compatíveis com a atualização
Imagem: Apple/Divulgação

O watchOS 9 foi um dos destaques da abertura da edição 2022 da Apple Worldwide Developers Conferece (WWDC), nesta segunda-feira (6). A nova versão do sistema operacional do Apple Watch ganhou opções renovadas de mostradores, melhorias no monitoramento do sono e o app Medications, entre outras atualizações.

Com a apresentação da próxima geração, que por enquanto ficará restrita aos desenvolvedores, muitos proprietários do relógio inteligente da Maçã querem saber quais versões serão atualizadas. A empresa é conhecida por oferecer updates para modelos mais antigos de seus produtos, mas com o passar do tempo alguns deles acabam ficando de fora.

Dessa vez, quem deixará de receber a atualização para o watchOS 9 é o Apple Watch 3, originalmente lançado em setembro de 2017. Apesar de ter estreado há quase cinco anos, ele é bastante popular, devido ao preço mais em conta, e ainda pode ser comprado no site da fabricante.

O Apple Watch 3 custa a partir de R$ 2,4 mil no site da marca.O Apple Watch 3 custa a partir de R$ 2,4 mil no site da marca.Fonte:  Apple/Divulgação 

A decisão de deixar o Watch Series 3 de fora da atualização pode significar o fim da terceira geração do smarwatch, que deve ser descontinuada pela Apple até o terceiro trimestre deste ano. Há, inclusive, alguns rumores sobre isso, marcando o fim da linha do dispositivo assim que o Apple Watch 8 estrear.

Modelos elegíveis para o watchOS 9

Se o Apple Watch 3 não receberá o watchOS 9, assim como a primeira e a segunda gerações do relógio, obviamente, todas as versões posteriores serão suportadas. Veja a lista de modelos compatíveis:

  • Apple Watch Series 4
  • Apple Watch Series 5
  • Apple Watch SE
  • Apple Watch Series 6
  • Apple Watch Series 7

Além destes, o Watch Series 8, que deve ser lançado no início de setembro com o iPhone 14, também receberá a nova geração do watchOS. É provável que alguns dos recursos sejam otimizados para ele ou até exclusivos da próxima versão do wearable.