Windows 11: Microsoft testa marca d'água em PCs incompatíveis

1 min de leitura
Imagem de: Windows 11: Microsoft testa marca d'água em PCs incompatíveis
Imagem: Microsoft
Avatar do autor

A Microsoft está trabalhando em mais formas de deixar evidente aos usuários que instalaram o Windows 11 mesmo sem o computador atender aos requisitos do sistema que ela não se responsabiliza por eventuais problemas e que a cópia em questão está irregular.

Segundo o site The Verge, algumas das mais novas versões de teste do sistema operacional agora trazem uma espécie de marca d'água que fica no canto inferior direito da tela, como se fosse parte do papel de parede.

Ela indica não só a build utilizada, mas também traz o aviso "Requisitos do sistema não compatíveis". Confira:

O aviso no canto da página é bastante visível.O aviso no canto da página é bastante visível.Fonte:  The Verge 

Aparentemente, esse é apenas um teste da empresa, que ainda busca a melhor forma de exibir aos usuários o aviso de que a cópia é incompatível — ela também já exibe um aviso no menu de informações gerais do sistema, por exemplo.

A marca d'água já foi utilizada antes pela companhia para sinalizar cópias piratas do Windows, mas o recurso pode ser eliminado quando essas builds virarem uma versão estável.

A migração para o novo sistema envolve não apenas quantidade de RAM e placa gráfica, mas também a idade do processador. Vale lembrar que a Microsoft não limita a instalação do Windows 11 em PCs antigos ou que não atendem as especificações técnicas da empresa, mas é possível que eles apresentem problemas e incompatibilidades, além de correrem o risco de não receber todas as atualizações enviadas a longo prazo.

News de tecnologia e negócios Deixe seu melhor e-mail e welcome to the jungle.
Você sabia que o TecMundo está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.