Acer inaugura Windows 11 SE em notebooks da linha TravelMate

1 min de leitura
Imagem de: Acer inaugura Windows 11 SE em notebooks da linha TravelMate
Imagem: Acer
Avatar do autor

Nesta segunda-feira (17), a Acer anunciou que seus notebooks Acer TravelMate B3 e Acer TravelMate Spin B3 receberão o Windows 11 SE. A versão educacional do sistema operacional baseada em nuvem foi revelada em novembro de 2021, visando disponibilizar uma experiência inclusiva e acessível para ambientes escolares.

Ambos os aparelhos possuem certificação de nível militar, a MIL-STD 810H, contando com amortecedores que absorvem choques — que os permite suportarem até 60 kg de força descendente e cair de até 1,22m de altura, segundo a marca. Os notebooks ainda possuem uma bateria considerável, possibilitando um uso de até 10 horas corridas.

Contando com recursos inteligentes, os dispositivos possuem chip Intel Wi-Fi 6 (Gig+) com tecnologia 2x2 MU-MIMO, que ajuda na conectividade em ambientes multiusuário, e 4G LTE opcional para quando os alunos estiverem distantes do roteador. Os professores ainda podem conferir os níveis de bateria pela tampa do dispositivo, sabendo quando será preciso recarregá-lo.

(Fonte: Acer/Reprodução)(Fonte: Acer/Reprodução)Fonte:  Acer 

A versão Spin do dispositivo vem equipada com o Acer Antimicrobial Design, que possui uma tela antimicrobiana Corning Gorilla Glass e um revestimento de íon de prata, antimicrobiano, nas superfícies de toque mais usadas, como teclado, touchpad e o apoio para as mãos.

Disponibilidade

O TravelMate B3 (TMB311-32) estará disponível na Europa, Oriente Médio e África (EMEA), no primeiro trimestre de 2022, com valores a partir de 359 euros, cerca de R$ 2,2 mil em conversão direta. Na China, o modelo deverá chegar em março, por ¥ 3.499 (R$ 3 mil).

Já o TravelMate Spin B3 (TMB311R-32) estará disponível na EMEA no primeiro trimestre a partir de 539 euros, ou R$ 3,3 mil na cotação atual. Ainda não há previsão para o lançamento dos dispositivos no Brasil, apesar de o site brasileiro da Acer ter uma página de apresentação do modelo ainda com o Windows 10.