Mettzer: como usá-la para criação de textos formatados em ABNT

3 min de leitura
Imagem de: Mettzer: como usá-la para criação de textos formatados em ABNT
Imagem: Mettzer/Divulgação
Avatar do autor

O Mettzer é um programa construído para auxiliar acadêmicos, graduandos e pesquisadores na elaboração de monografias, artigos, teses ou qualquer documento que exija a aplicação das normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) — que, a despeito do conteúdo escrito, são um verdadeiro desafio.

Existem inúmeros sites que assumem para si a difícil tarefa de explicar essas normas. Muitos deles, contudo, contêm informações divergentes. Portanto, a não ser que você seja muito experiente no assunto, é necessário realizar múltiplas pesquisas para garantir que a estrutura esteja correta. O processo acaba demandando muita energia e tempo, dois recursos valiosos quando se fala em textos acadêmicos. O Mettzer, diante disso, promete ser uma solução bem mais rápida e prática.

O que é o Mettzer?

a  Mettzer/Divulgação 

Trata-se de um editor de texto online com características muito semelhantes às do Microsoft Word e outros programas do mesmo segmento, mas com um diferencial: a presença de múltiplos recursos dedicados à elaboração de arquivos conforme as normas da ABNT. O programa conta com uma equipe especializada que é responsável pela adequação e monitoramento de qualquer novidade, bem como a atualização das métricas utilizadas.

Assim, basta que o usuário insira o conteúdo do documento, que o programa fará todo o resto, configurando margens, espaçamento, tabulação de parágrafos, numeração de páginas, tamanho e nome da fonte, entre outros aspectos essenciais para adequação do arquivo. Segundo o site oficial, o editor é ideal para a elaboração dos seguintes trabalhos:

  • TCC - Trabalho de conclusão de curso;
  • Trabalho de aula;
  • Artigo científico;
  • Projeto de pesquisa;
  • Dissertação de mestrado;
  • Monografia;
  • Projeto Integrado Multidisciplinar - PIM UNIP;
  • Relatório e Relatório de estágio;
  • Tese de doutorado;
  • Resenha e resenha Crítica.

Como usar o editor?

O primeiro passo para utilizar o Mettzer, é acessar o site oficial do programa. Feito isso, acompanhe as etapas abaixo:

a  Kris Gaiato/Reprodução 

Passo 1: No canto superior direito, clique na opção “Login”, role a página para baixo e selecione a opção “Cadastrar”. Informe um e-mail válido e as credenciais solicitadas ou escolha uma conta do Google, Facebook ou Hotmail para se inscrever;

Passo 2: Depois disso, você será encaminhado para a página do editor. Neste momento, insira o seu texto e, pronto, ele já estará nas normas ABNT;

Tela de edição do Mettzer.Tela de edição do Mettzer.Fonte:  Kris Gaiato/Reprodução 

Passo 4: Do lado esquerdo da tela, você verá uma lista de seções que podem estar presentes no seu documento, como epígrafe, resumo, sumário, introdução, dentre outros. Para ir até essas seções, basta clicar sobre o nome de cada uma delas. Clicando no símbolo de “i” em azul, você verá informações sobre o item e como elaborá-lo;

Passo 5: Ao fim da edição, você pode exportar o arquivo para o Microsoft Word ou baixá-lo no formato PDF.

Recursos oferecidos pelo Mettzer

a  Mettzer/Divulgação 

Entre os recursos do editor, está um cronograma dos trabalhos para melhorar o planejamento do usuário; backup completo com criptografia de cada alteração realizada; registro de todas as versões; e possibilidade de compartilhar o arquivo online com outras pessoas. Além disso, você fica livre de eventuais cópias ou plágios.

O Mettzer ainda conta com todos os tipos de referência bibliográficas; citações direta curta e longa, citação indireta e citação de citação (APUD); equações e fórmulas no formato Latex; todos elementos pré-textuais, textuais e pós-textuais; dentre outros.

Em caso de dúvidas ou problemas, o Mettzer possui uma equipe de suporte disponível de segunda a sexta, das 8h00 às 19h00, via e-mail ou chat. Vale destacar que o editor oferece 7 dias de uso gratuito, permitindo que o usuário teste seus vários recursos e elabore arquivos na plataforma. No entanto, ao final deste período, é necessário contratar o serviço.

Planos de assinatura: detalhes e preços

a  Kris Gaiato/Reprodução 

Anteriormente, os planos de assinatura do Mettzer eram três que tinham recursos específicos para "calouros, veteranos e pesquisadores". Na ocasião, ainda era possível escolher entre pagamentos mensais, trimestrais, semestrais e anual.

Após uma boa repaginada, agora os planos se dividem em: anual (por R$ 114,00 ou R$ 9,50/mês), trimestral (por R$ 34,90 ou R$ 13,30/mês) e mensal (que custa R$ 24,00). Em qualquer uma das opções, o assinante terá acesso aos recursos de forma integral. Todos os planos possuem renovação automática e somente os dois primeiros oferecem descontos pelo período de assinatura.

Custo-benefício e desconto

Embora os preços pareçam salgados no primeiro momento, essa pode ser uma ferramenta muito útil para pessoas que estão no processo de elaboração de um artigo importante ou, no contexto universitário, precisam lidar constantemente com a criação e entrega de trabalhos acadêmicos.

No entanto, há como reduzir o valor da assinatura em 30% indicando o Mettzer para seus amigos. O processo é muito simples: basta acessar o site do editor e, na barra superior, clicar no botão "Indicou, ganhou!".

Fontes

Mettzer: como usá-la para criação de textos formatados em ABNT