iPadOS limita uso de RAM em 5 GB para apps no iPad Pro com M1

1 min de leitura
Imagem de: iPadOS limita uso de RAM em 5 GB para apps no iPad Pro com M1
Imagem: Apple
Avatar do autor

O iPad Pro com chip M1 chegou recentemente ao mercado trazendo mais performance e até 16 GB de RAM, mas o iPadOS não está aproveitando todo o poder do tablet. De acordo desenvolvedores, o sistema operacional limita o uso de memória em 5 GB para aplicativos.

A informação foi confirmada pela empesa Procreate, que desenvolve um app de ilustração para os sistema da Apple. "Atualmente, todos os iPads com M1 possuem a mesma quantidade de RAM disponível [para apps]", disse a companhia no Twitter. "Assim que tivermos acesso para mais, vamos repassar para vocês."

Após testes, os usuários do tablet mais potente da Apple descobriram que o sistema está limitando o uso de RAM em 5 GB. Com isso, tanto os modelos de 8 GB e 16 GB do novo iPad Pro não conseguem tirar todo o proveito de aplicativos.

Segundo ressalta o iMore, a limitação de acesso à RAM no iPadOS não é uma novidade. No entanto, a chegada dos novos iPads deixou o problema mais evidente devido à quantidade extra de memória dos dispositivos que está praticamente inutilizada.

iPad Pro com chip M1.iPad Pro com chip M1.Fonte:  Apple 

O iPadOS normalmente aloca parte da memória RAM para garantir o funcionamento do sistema de maneira fluída, principalmente em funções mais pesadas como o Split View. Enquanto a limitação brusca faz sentido em iPads mais antigos, deixar que os desenvolvedores acessem apenas 5 GB de 16 GB de RAM na nova linha de tablets parece um exagero.

O iMore especula que a Apple deve fazer alterações no sistema de alocação de RAM do iPadOS para garantir performance extra para apps mais pesados no iPad Pro com M1. Apesar de a empresa não ter comentado sobre o assunto, a WWDC 2021 acontece em breve e pode ser um palco interessante para anunciar a mudança para desenvolvedores.

Fontes

iPadOS limita uso de RAM em 5 GB para apps no iPad Pro com M1