Privacidade: Google aumenta segurança em dispositivos com Android

1 min de leitura
Imagem de: Privacidade: Google aumenta segurança em dispositivos com Android
Imagem: Pexels
Avatar do autor

A Google anunciou na última segunda-feira (5), uma série de mudanças que a empresa adotará contra malwares e invasões nos sistemas Android. Segundo comunicado divulgado pelo gigante de buscas, as novas medidas têm o objetivo de evitar que softwares invadam o sistema e, desta forma, garantir mais segurança aos usuários.

Na página de Política do Programa para Desenvolvedores, é possível conferir todas as novas medidas. A principal mudança está na autorização que novos aplicativos terão ao serem instalados no aparelho. A partir de agora, o Google não vai mais permitir que os apps baixados acessem outros programas do smartphone. Ou seja, a mudança vai dificultar que os programas instalados no celular acessem as atividades do usuário enquanto navega entre os aplicativos.

De acordo com o Google, se o aplicativo de um desenvolvedor já atender às novas normas, ele deve declarar permissão no fomulário oficial disponível no site do Google. Caso o documento não seja preenchido pelo desenvolvedor ou o aplicativo não atenda aos requisitos, o programa pode ser excluída da Play Store. Além disso, a declaração deve ser sempre atualizada com informações precisas.

As mudanças entrarão em vigor a partir do dia 5 de maio e deve afetar, principalmente, aplicações do Android API a partir do nível 30 e dispositivos com Android 11.

Fontes

Privacidade: Google aumenta segurança em dispositivos com Android