Microsoft encerra suporte ao Flash Player no Edge e Windows 10

1 min de leitura
Imagem de: Microsoft encerra suporte ao Flash Player no Edge e Windows 10
Imagem: Microsoft/Reprodução
Avatar do autor

A Microsoft anunciou que encerrará o suporte para o Adobe Flash Player nos navegadores da companhia. Em dezembro de 2020, o antigo Microsoft Edge, o novo Edge e o Internet Explorer 11 não terão mais suporte para o reprodutor de multimídia.

Assim que encerrado, usuários dos navegadores da Microsoft não receberão mais atualizações de segurança para o Adobe Flash Player — que já se encontra no fim da sua vida desde o anúncio de encerramento da Adobe em 2017. Consequentemente, utilizar a ferramenta pode deixar o computador vulnerável a ataques.

Em janeiro de 2021, a Microsoft irá desabilitar o Adobe Flash Player por padrão em todas as versões do Windows 10. Além disso, recursos da Microsoft relacionados ao reprodutor de mídia não estarão mais disponíveis para download a partir dos servidores da companhia.

a  MSPowerUser/Reprodução 

O cronograma da companhia também incluirá uma atualização com a adição do “Remoção do Adobe Flash Player”, e eventualmente será distribuído para todas as máquinas com Windows 10. No primeiro momento da distribuição, o patch será disponibilizado como opcional, mas será listado como “recomendado” em meados de 2021.

Para companhias e organizações que precisam do suporte para o Flash Player, a Adobe disponibilizou um artigo (somente em inglês) sobre como proceder com o fim do suporte ao serviço.

Como de costume, a Microsoft recomenda que os usuários domésticos do Windows 10 acompanhem as atualizações de segurança e mantenham seus dados protegidos. Sendo assim, o uso do Flash Player não é mais recomendado.

Microsoft encerra suporte ao Flash Player no Edge e Windows 10