OnePlus e Realme se unem à Xiaomi e adotam 'rival do AirDrop'

1 min de leitura
Imagem de: OnePlus e Realme se unem à Xiaomi e adotam 'rival do AirDrop'
Imagem: GNTech
Avatar do autor

A Xiaomi conseguiu novas parceiras para a implementação de um novo padrão de transferência sem fio aos moldes do AirDrop. Segundo uma publicação feita na rede social chinesa Weibo, as marcas OnePlus, Realme, Meizu e Black Shark também entraram na união e começarão a adotar a nova tecnologia.

Além dos nomes mencionados acima, a Oppo e a Vivo, duas das maiores fabricantes de celulares da China, também fazem parte da aliança. Ou seja, ao todo, sete empresas já se comprometeram a equipar seus dispositivos com o rival do AirDrop.

Fonte:  XDA 

Seguindo os passos da tecnologia da Apple, o objetivo da tecnologia desenvolvida pelo grupo é trazer um sistema de transferência de arquivos rápido e que funciona sem internet. O procedimento poderá ser feito nativamente e sem a necessidade de downloads de serviços de terceiros. A novidade também não será exclusiva da China e deve beneficiar 400 milhões de usuários globalmente.

Como funciona a tecnologia?

Já disponível em alguns celulares das marcas participantes do grupo, a ferramenta utiliza Bluetooth para pareamento rápido e Wi-Fi ponta-a-ponta para realizar a transferência. A tecnologia pode ser utilizada para enviar arquivos como músicas, fotos, vídeos e documentos, em uma velocidade de até 20 MB/s e com baixo consumo de energia.

Em celulares da Xiaomi, a tecnologia se chama Compartilhamento MiEm celulares da Xiaomi, a tecnologia se chama Compartilhamento MiFonte:  Mateus Mognon/Tecmundo 

Para saber se o seu dispositivo já possui a tecnologia, basta procurar o botão de compartilhamento na barra de notificações ou nas configurações de seu celular. Em dispositivos da Xiaomi, que são vendidos oficialmente no Brasil, a ferramenta se chama "Compartilhamento Mi". Após a ativação em dois aparelhos compatíveis, basta aproximar os aparelhos para realizar a transferência.

Fontes

Comentários

Conteúdo disponível somente online
OnePlus e Realme se unem à Xiaomi e adotam 'rival do AirDrop'