Imagem de: Chrome OS permitirá desativar portas USB para maior segurança
Fonte: cnet

Chrome OS permitirá desativar portas USB para maior segurança

1 min de leitura
Avatar do autor

Um novo recurso de segurança começou a ser testado no Chrome OS que permitirá desativar o funcionamento de entradas USB quando a tela do computador estiver bloqueada. O objetivo dessa novidade é evitar que agentes maliciosos possam invadir computadores por meio de ataques conhecidos como “Rubber Ducky”.

Nesse tipo de ataque, um hacker precisa ter acesso físico a um computador e plugar um pendrive carregado com o código malicioso. O software então simula o pressionamento de teclas e pode inclusive desbloquear a tela do computador para, posteriormente, ter acesso a dados sensíveis do usuário.

Por enquanto, a desativação automática das portas USB em Chromebooks só está presente na versão Canary do SO, a edição de testes do sistema que a Google usa para experimentar algumas novidades antes de distribuí-las para o grande público.

Como usar a novidade

Se você já usa o Chrome OS Canary, basta ativar uma flag no sistema (chrome://flags/#enable-usbguard) para que a desativação automática entre em cena sempre que a tela for bloqueada. Vale destacar, contudo, que só isso não vai garantir a sua segurança.

É necessário desativar o login em modo convidado e impedir que novas Contas Google sejam adicionadas sem a sua permissão diretamente pela tela de login.

Não sabemos quando nem se essa novidade de segurança será implementada na versão final do Chrome OS. Mas, caso tudo corra bem, usuários da versão estável poderão ter a novidade já nas próximas semanas. Nada disso foi confirmado oficialmente pela Google, entretanto.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Chrome OS permitirá desativar portas USB para maior segurança