Se você é o tipo de pessoa que se preocupa com a privacidade e com o que estão fazendo com seus dados, com certeza não ia gostar nem um pouco de saber que está utilizando um app cheio de brechas de segurança e que poderia ser facilmente invadido.

Não, nada disso é preocupação em exagero: o instituto alemão Fraunhofer Institute for Secure Information Technology descobriu que apps que trabalham com informações de localização do usuário podem causar exposição de informações pessoais. Segundo o estudo realizado pelo órgão, os apps que permitem que pais  e até mesmo casais  rastreiem o paradeiro de alguém podem ser interceptados facilmente, de modo que hackers conseguiriam muito bem ter acesso a dados do telefone do usuário.

No relatório produzido, foram analisados 18 aplicativos para o sistema Android  que, claro, foram baixados por milhões de usuários. Um deles mostrou um resultado alarmante: o Couple Vow permite que os usuários compartilhem localizações, mensagens de texto e histórico de ligações. Isso é extremamente perigoso para a segurança, visto que basta uma simples solicitação para o servidor para ter acesso aos dados desprotegidos sem autenticação alguma.

Além disso, foi possível descobrir mais de 1 milhão de senhas dos usuários do mesmo app. A vulnerabilidade era tão grande que era possível acessar as imagens compartilhadas — o que incluía até mesmo conteúdo íntimo.

Vale dizer que essas falhas de segurança não são exclusividade do Couple Vow. Os pesquisadores encontraram brechas nos mais diversos apps utilizados no estudo e, quando contatados, alguns dos desenvolvedores deram retorno, mas muitos dos aplicativos continuaram online e vulneráveis. O próprio Google não se mostrou muito preocupado com a questão — e é compreensível, já que esse tipo de problema não afeta a empresa diretamente.