Em meio a uma série de reclamações recentes quanto à sua eficiência, o Face ID agora está virando alvo de novas críticas. O problema da vez, segundo diversas reclamações feitas no fórum da Apple, indica que várias pessoas simplesmente não estão conseguindo utilizar o software de reconhecimento facial para permitir compras feitas por familiares na App Store.

“Eu chequei cada configuração que eu pude achar, desliguei configurações relevantes e as liguei de novo, e até removi meu Apple ID do meu celular por completo e o instalei de novo.”, disse um dos clientes da companhia. “Mas infelizmente, ele ainda quer que eu digite a senha completa. Interessantemente, ele ainda me deixa usar o Touch ID no meu iPad para aprovar [as compras], então parece ser específico da combinação iPhone X/Face ID”, continuou.

Seria essa uma falha no software? Está aí uma dúvida que a Maçã ainda não respondeu. Alguns, porém, afirmam que essa ausência seria intencional, o que faria bastante sentido se considerarmos que a própria Apple admitiu a menor precisão de seu Face ID no caso de pessoas com parentesco e jovens de menos de 13 anos – justamente a faixa etária para a qual a função de pedido de compras vem disponível por padrão.

Com isso, tudo o que podemos fazer é torcer que a empresa se explique sobre isso. Afinal, mesmo que seja realmente uma decisão dela de bloquear o Face ID por segurança, ao menos deixar essa opção habilitável pode ajudar aqueles que não querem ter que digitar suas longas senhas para cada uma das dezenas de pedidos de compras de apps de seus filhos.

Cupons de desconto TecMundo: