Se você tem muitos apps, fotos, vídeos e outras tralhas instaladas em seu smartphone, provavelmente já teve algum problema na hora em que uma nova atualização do sistema chegou até você. Isso porque o Android costuma vir em arquivos grandes, exigindo um espaço razoável do armazenamento interno, algo que nem sempre existe em seu gadget.

Ao que tudo indica, porém, a Google trabalha em uma solução para isso. De acordo com a documentação liberada no site oficial do Android, a companhia vai dotar o Android 8.0 de uma função estilo streaming que permite às atualizações serem disponibilizadas de forma mais inteligente. Para entender como isso vai funcionar, é preciso compreender como a atualização funciona atualmente.

O armazenamento do Android é dividido em sistemas A e B, sendo um deles o espaço usado pelos arquivos (A) e o outro (B) que fica em segundo plano. Quando uma atualização começa a ser baixada, o download e a instalação ocorrem no sistema B, garantindo a possibilidade de continuar usando o aparelho durante este processo. Ao final, depois de reiniciar o aparelho, o sistema migrou para a partição B e tudo funciona perfeitamente.

Novo sistema de atualização do Android deve acabar com problemas oriundos da falta de espaço de armazenamento interno

O problema desse processo é que, se há pouco espaço no sistema, não é possível aplicar a atualização. É nesse momento que o Android pede para você remover aplicativos, fotos ou vídeos a fim de liberar espaço e, assim, prosseguir com o update.

A novidade

O novo sistema que deve aparecer no Android 8.0 é mais inteligente e envolve a atualização “via streaming”. Com ela, os dados são baixados e instalados diretamente, sem usar nenhuma partição como ponte para a instalação completa. Com isso, em vez de demandar alguns gigabytes, a atualização depende de apenas alguns kilobytes livres para que tudo seja instalado corretamente.

E é possível que isso chegue também ao Android 7.x? Aparentemente, sim. A Google sugere que o recurso estará disponível no “Android 7.0 e versões superiores”, indicando que as instalações via streaming podem ser aplicadas na Play Store, modificando a forma como aplicativos são instalados nos dispositivos com o sistema mobile da empresa.

A novidade, porém, ficaria restrita às versões 7.0 ou superiores do sistema porque o sistema A/B descrito acima foi incluído no sistema justamente no Android 7.0 Nougat. Além disso, é possível que essa novidade não chegue a todos os dispositivos com Android, dependendo das fabricantes para a sua implementação.

Cupons de desconto TecMundo: