(Fonte da imagem: Reprodução/Euronews)

Ao contrário do que se possa pensar, a tecnologia que causou uma revolução cultural e mudou a forma de nos comunicarmos não nasceu em um laboratório de inovações no Vale do Silício. Há exatos 20 anos, o primeiro SMS foi enviado de um pequeno escritório em Newbury, no sul da Inglaterra.

A mensagem, que dizia “Feliz Natal”, foi enviada no dia 03 de dezembro de 1992 por Neil Papworth, um engenheiro com 22 anos de idade na época. Ele trabalhava para a Vodafone do Reino Unido e enviou o conteúdo para um colega que estava em uma festa de final de ano da empresa.

Papworth fazia parte de uma equipe de desenvolvimento que tinha como foco criar serviços de mensagens curtas para a Vodafone. Para chegar ao SMS como conhecemos hoje, a equipe utilizou conceitos desenvolvidos em 1984 por Friedhelm Hillebrand e Bernard Ghillebaert.

O projeto só pôde ser implantado nas primeiras redes GSM e, segundo Papworth, a mensagem desejando um Feliz Natal fazia parte de um teste. Em entrevista para o Discovery News, o engenheiro contou que o passo que entrou para a história não passava de rotina.

“Eu fui escolhido para ir ao escritório da Vodafone em Newbury para instalar, integrar e testar o software até que tudo funcionasse com perfeição. Inicialmente, a ideia era utilizar o sistema apenas como um serviço de paginação", disse Neil Papworth.

Orbitel 901 e sua "capinha" nada moderna (Fonte da imagem: Reprodução/Ljud&bild)

Como naquela época os celulares não contavam com letras em teclados físicos, a mensagem foi digitada a partir de um computador e enviada a Richard Jarvis, diretor da Vodafone, que recebeu a mensagem usando um Orbitel 901, conhecido por ser o primeiro modelo de telefone no mundo a integrar a rede GSM.

SMS para poucos

Embora Papworth diga ser muito feliz hoje por ter participado de um momento histórico e tão importante, as mensagens de texto não se tornaram uma febre logo depois. Durante os primeiros anos, o SMS foi um sistema exclusivo de engenheiros e geeks entusiastas.

Para se ter uma ideia do crescimento do SMS nos últimos anos, em 1995 clientes de redes GSM enviavam uma média de apenas 0,4 mensagem de texto por mês. No ano 2000, a média ainda era de apenas 35 mensagens no mesmo período.

O que possibilitou o crescimento do SMS foi a existência de planos pré-pagos. Isso atingiu automaticamente o mercado jovem, que mergulhou de cabeça no sistema de mensagens. Pesquisas mostram que o numero total de mensagens de texto enviadas triplicou entre 2007 e 2010, subindo de 1,8 trilhão para 6,1 trilhões.

Uma nova forma de se comunicar

Com a limitação de 160 caracteres, as mensagens de texto criaram uma nova forma de falar. As abreviações passaram das plataformas móveis para tomar outras formas de comunicação, como emails e chats.

(Fonte da imagem: Reprodução/Discovery News)

Atualmente, o SMS ainda continua sendo uma das formas mais populares de comunicação. Em 2011, foram mais de 8 trilhões de mensagens enviadas — uma média de 15 milhões de mensagens por minuto em todo o mundo.

Neil Papworth hoje vive no Canadá com sua esposa e três filhos e trabalha como arquiteto de software. Para o Discovery News, ele contou uma situação engraçada: um amigo que é professor mencionou em suas aulas que conhecia o homem que havia enviado o primeiro SMS. Um estudante ergueu a mão e questionou: “Ele ainda está vivo?”.

Cupons de desconto TecMundo: