O mercado de relógios inteligentes ainda engatinha, com acessórios como o Galaxy Gear e o Sony SmartWatch 2. Mas um projeto independente que até já conseguiu financiamento no Kickstarter pretende revolucionar esses aparelhos antes mesmo de eles virarem moda.

Trata-se do Neptune Pine, que é vendido como o único smartwatch "de verdade". Isso porque os criadores do projeto criticam os relógios inteligentes atuais, dizendo que eles são apenas dispositivos pareados com outros gadgets via Bluetooth, sendo reféns de aparelhos maiores.

Mil e uma utilidades

No Pine, tudo funciona de forma independente a partir de um Android 4.3 modificado. Usando apenas um chip micro SIM, você pode fazer ligações ou enviar mensagens, acessar a internet, jogar, usar internet 3G ou WiFi, fazer videoconferências e localizar-se via GPS, entre outras funções. Além disso, sobrou um espaço para que ele mostre as horas, claro.

(Fonte da imagem: Reprodução/Kickstarter)

O aparelho principal ainda é "destacável" da pulseira, virando uma pequena tela independente que serve como câmera (frontal e traseira). Mas há um problema detectável de primeira: o Neptune Pine é enorme (a tela é de 2,4") e destaca-se bastante no pulso de quem o usa.

Até o momento, o pedido de doações no Kickstarter é um sucesso: quatro vezes mais que o valor previsto foi arrecadado e as primeiras unidades já foram todas vendidas por US$ 199. Os próximos modelos, de 16 GB, saem a partir de US$ 229.

Cupons de desconto TecMundo: