A série apresenta um conto de origem para herói da Marvel, mostrando Matt Murdock abrindo o seu escritório de advocacia com o amigo Foggy Nelson, ao mesmo tempo em que combate a criminalidade do bairro Cozinha do Inferno às noites como um vigilante mascarado.

O programa traz uma evolução gradual do personagem, descortinando aos poucos seus desafios e também suas habilidades. A trama principal desta temporada é a luta de Murdock e seus aliados para derrubar Wilson Fisk, o Rei do Crime, e sua enorme organização criminosa – incluindo membros da máfia japonesa e russa.

Se você ainda está indeciso sobre ver ou não a nova série da Marvel na Netflix, ou procura um novo programa para fazer maratona neste feriado, apresentamos aqui alguns destaques (sem spoilers!) desta primeira temporada de Demolidor para te convencer a assistir ao programa:

1. Drama e Personagens

Ainda que Demolidor seja a rigor uma série baseada em quadrinhos, espectadores podem esperar um pouco mais de dramaticidade do que outras produções do gênero. Isso porque há uma grande variedade de personagens, com diferentes narrativas em desenvolvimento. Um ótimo exemplo é a complexidade do vilão da trama: o Rei do Crime é o personagem que desenvolve a principal relação amorosa da temporada!

2. Violência e Cenas de Luta

Uma característica que vai chamar bastante a atenção dos espectadores é o nível de violência do programa, muito mais acentuado do que outras produções da Marvel. Definitivamente, a série se destina a um público mais maduro. A ambientação da história é bastante realista e dura, mostrando uma cidade dominada pela criminalidade. As cenas de luta também se destacam, com tomadas extensas e muito bem coreografadas.

3. Fidelidade aos Quadrinhos

Os fãs da Marvel não podem reclamar de liberdades criativas do programa, pois a série do Demolidor segue bem próxima aos quadrinhos. Há especialmente uma tradução muito fiel do protagonista, em seus conflitos morais e religiosos; isso sem falar em seus sentidos aguçados, que são muito bem representados na trama – na maneira como ele escuta batimentos cardíacos ou sente cheiros a metros de distância.

4. Conexão com o Universo Marvel

Muitos fãs do Universo Marvel aguardavam Demolidor com muita ansiedade, na espera de ver novas conexões entre as séries e os filmes do estúdio. Apesar de ter uma ou outra relação com o universo compartilhado, o programa está muito mais focado em seu próprio canto na Cozinha do Inferno – e isso é uma boa coisa! Há referências para a Batalha de Nova York e a existência de outros heróis, mas não muito mais do que isso. Os melhores “easter eggs”, na verdade, são aqueles que dão pistas sobre o futuro do Universo Marvel, especialmente sobre os próximos programas da Netflix, como o do Punho de Ferro!

5. Uniforme Ninja – e não o Vermelho!

Muito se falou sobre a evolução do traje do Homem Sem Medo no decorrer da temporada até chegar ao clássico uniforme vermelho do personagem. Apesar da pressão dos fãs para ver o herói com sua roupa tradicional, os espectadores vão concordar que o uniforme “ninja” que o Demolidor usa em grande parte da temporada é incrível e muito bem adequado para esta narrativa – e vai deixar saudades!

E você, já assistiu à série do Demolidor na Netflix? O que achou/ou está achando? Deixe o seu comentário sobre o programa!

Via Minha Série

Cupons de desconto TecMundo: