No paralelo de “Expectativa vs. Realidade”, nós esperávamos que 2015 fosse o ano dos carros voadores e dos hoverboards, mas a grande novidade tecnológica da nossa era acabou sendo... O pau de selfie. A sensação das redes sociais tem tantos haters quanto adeptos, mas será que ela é tão nova quanto todo mundo imagina?

Apesar de a suposta patente mais antiga do acessório ter sido registrada somente em 2006 — pelo canadense Wayne G. Fromm —, há registros de que o conceito já era invenção há bem mais tempo. Olhe, por exemplo, esta imagem tirada de um livro do ano de 1995, contendo “aquelas invenções inúteis”, que muitas vezes chamamos de “coisa de japonês”.

A descrição diz “câmera em vara para autorretratos” e convida os usuários a tirarem a foto sem a necessidade de ajuda, principalmente em viagens em que torna-se constrangedor pedir para um estranho tirar uma fotografia sua — tudo isso muito antes do mundo sequer sonhar com smartphones.  Japoneses, sempre um passo a frente.

Quem inventou primeiro?

Quanto às patentes, Fromm entrou na justiça para processar os supostos plágios de sua ideia. Infelizmente, uma ideia em si não pode ser “plagiada”. A “invenção” de Fromm não chegou a ser detalhada e comercializada e ideias podem ser concebidas por várias pessoas ao redor do mundo.

Patente do "Aparato de Suporte para Câmera", de Wayne G. Fromm, 2006

Como aponta o documentário “Everything is a Remix”, há casos de obras semelhantes criadas contemporaneamente por pessoas diferentes que nunca tiveram contato entre si ou com a criação da outra.

Uma evidência disso é que os americanos Michael Daoud e John R. Stump tentaram patentear a mesma ideia de Fromm apenas três semanas depois com o nome de “Braço Retrátil para Câmera”, sem nunca terem visto o pau de selfie “original”.

Patente do “Braço Retrátil para Câmera”, dos americanos Michael Daoud e John R. Stump, 2006

Aliás, sobre isso de ser “original”... Os japoneses também não foram os pioneiros. O que dizer desta imagem abaixo, que mostra um conceito semelhante registrado por Donal N. Horn e Bern Levy? A invenção chamada de “Suporte Portátil de Monitor/Câmera” foi registrada em 1988, 27 anos atrás.

“Suporte Portátil de Monitor/Câmera”, de Donal N. Horn e Bern Levy, 1988

É difícil saber ao certo

Fica meio difícil saber quando o conceito foi aplicado pela primeira vez, até porque há uma teoria de que esta fotografia, tirada em 1925 — 90 anos atrás — já fazia uso do acessório. Em resumo, você pode até achar a "nova moda" repugnante, mas o pau de selfie já está por aí há algum tempo.

Mas sobre o questionamento sobre seu uso generalizado ser uma indicação de que estamos nos tornando cada vez mais narcisistas, fugindo de nossa realidade ou que estamos obcecados por nossa autoimagem e sedentos por atenção... Bom, isso é uma discussão para outra ocasião.

Cupons de desconto TecMundo: