(Fonte da imagem: Reprodução/Chronicles)

O escândalo da espionagem do governo dos Estados Unidos sobre os dados de seus usuários gerou reações negativas por parte de grandes empresas de tecnologia. Nomes como Google, Facebook, Apple, Yahoo! e Microsoft estão entre os signatários de uma petição que exige mais transparência no uso de informações confidenciais dos cidadãos.

As companhias pedem transparência à NSA (Agência de Segurança Nacional, na sigla em inglês) sobre a utilização dos dados obtidos e o funcionamento do PRISM, o sistema de vigilância responsável por isso. Uma carta aberta foi redigida pelas empresas e enviada ao presidente Barack Obama e outros 15 legisladores de peso no Congresso norte-americano.

O principal pedido é a possibilidade de informar a seus consumidores quantas vezes o governo solicita acesso a informações e que tipo de dados estão sendo acessados por ele. As companhias afirmam que não exigem o fim da espionagem, pois sabem que esse tipo de ação é essencial para a segurança nacional. Ainda assim, todas acreditam que a transparência é fundamental.

Cupons de desconto TecMundo: