(Fonte da imagem: Divulgação/Oracle)

Na semana passada, foi aberto para todo o público que a última atualização do Java trazia uma brecha de segurança. Esta brecha permitia que hackers instalassem aplicativos no seu computador sem que você tivesse conhecimento. Agora, depois de muitas críticas, a Oracle, empresa responsável pelo plugin, lançou uma nova atualização para acabar com o problema.

Durante a última semana, diversos pontos da internet revelaram que a versão atual do Java estava corrompida, de modo que hackers poderiam aproveitar para instalar aplicativos maliciosos no seu computador sem que você soubesse. A falha estava tão aparente que poderia ser explorada com facilidade.

Por estar presente em milhares de sites, até mesmo o Departamento de Segurança Nacional dos Estados Unidos divulgou um comunicado alertando a todos e pedindo para que o plugin fosse desativado até que uma solução fosse encontrada. Isso veio com uma nova atualização lançada pela Oracle. Ela deve fechar a brecha e tornar obrigatório que toda ação diferente do normal iniciada pelo Java necessite da aprovação do usuário para ser aplicada.

A desconfiança continua

Mesmo com o lançamento do novo update, especialistas em segurança na internet ainda estão com o pé atrás em relação ao Java. Isso se tornou ainda mais evidente com a declaração de Adam Godwiak que, em uma entrevista à Reuters, disse que não acredita que a última atualização é suficiente e que não ousaria em dizer que o Java é seguro para os usuários.

Até que uma solução mais concreta seja aplicada pela Oracle, o jeito é desativar o plugin no computador, utilizando-o apenas em casos especiais.

Cupons de desconto TecMundo: