(Fonte da imagem: Reprodução/The Verge)

Está insatisfeito com seu emprego? Procurando um trabalho cuja remuneração traga vida mansa? Então largue tudo o que você faz hoje e tente a sorte como hacker oficial do Facebook.

Falando assim, até parece algo absurdo ou de outro mundo, mas é muito comum as empresas de tecnologia contratarem os chamados “piratas da internet” para vasculhar possíveis falhas de segurança em seus sistemas a fim de evitar que outras pessoas descubram esses problemas antes e causem danos maiores. No caso da maior rede social do mundo, esses profissionais são tão necessários que a empresa paga um “salário” invejável a eles.

Durante um evento de segurança realizado nos Estados Unidos, a companhia de Mark Zuckerberg estava recrutando especialistas para uma espécie de caçada a bugs e problemas maiores e mais graves. O objetivo era encontrar qualquer tipo de defeito na segurança do site e, caso algo fosse identificado, o hacker receberia uma bonificação de acordo com sua descoberta. Até agora, foram US$ 400 mil — cerca de R$ 810 mil na cotação atual — em premiação, ou seja, uma quantia para ninguém botar defeito.

No Brasil também vale

O mais interessante é que não se trata de algo finalizado, já que a página continua com seu sistema de recompensas, como pode ser visto em seu site oficial. Além disso, você não precisa ser nem mesmo um cidadão norte-americano para isso, já que eles oferecem prêmios a partir de US$ 500 (R$ 1011) para pessoas de todo o mundo.

De acordo com um dos membros da equipe de segurança do Facebook presente no evento, esse tipo de ação serve para mostrar o quanto a companhia se preocupa em manter os dados da rede social a salvo de qualquer vulnerabilidade. Segundo ele, o grande destaque da companhia é exatamente o fato de conseguir corrigir qualquer falha em questão de algumas horas, coisa que praticamente nenhuma outra empresa é capaz de fazer.

Fonte: Facebook, The Verge

Cupons de desconto TecMundo: