Grupo de investidores compra McAfee por US$ 14 bilhões

1 min de leitura
Imagem de: Grupo de investidores compra McAfee por US$ 14 bilhões
Imagem: Wikimedia/M.O. Stevens/Reprodução
Avatar do autor

A McAfee, uma das marcas mais confiáveis de antivírus, foi adquirida a um preço de US$ 14 bilhões (cerca de R$ 78 bilhões) por um grupo de investidores, de acordo com anúncio da empresa divulgado nesta segunda-feira (8).

As ações ordinárias negociadas na Nasdaq serão compradas a um preço de US$ 26 por unidade, o que representa um ágio de 22,6% com relação ao valor de fechamento do papel na última quinta-feira (4). Após a conclusão da transação, a empresa deixará de ser negociada na bolsa de valores e se tornará uma companhia de capital fechado.

O negócio deve ser finalizado no primeiro semestre de 2022 e envolve os grupos Advent International Corp., Permira Advisers e Crosspoint Capital Partners, Canada Pension Plan Investment Board, GIC Private Limited e uma subsidiária integral da Autoridade de Investimentos de Abu Dhabi.

Histórico da McAfee

O McAfee é um dos antivírus mais antigos e mais utilizados no mundo. (Fonte: Flickr/the JoshMeister/Reprodução)O McAfee é um dos antivírus mais antigos e mais utilizados no mundo. (Fonte: Flickr/the JoshMeister/Reprodução)Fonte:  Flickr/the JoshMeister/Reprodução 

Fundada em 1987 por John McAfee, a marca se tornou conhecida por seu software antivírus para computador. O polêmico criador deixou a companhia em 1994 e, nos anos seguintes, passou a ter uma vida conturbada com acusações de crimes. O programador acabou sendo preso na Barcelona, quando tentava embarcar para Turquia; em junho de 2021, foi encontrado morto em sua cela.

Em paralelo, a empresa não parou de crescer. Em 1997, se fundiu com a Network General, o que deu acesso abrangente ao mercado europeu e consolidou sua liderança no mundo, que antes era restrita aos Estados Unidos.

Em 2004, a McAfee passa por uma restruturação, vendendo diversas empresas do grupo, como Magic Solutions e a Sniffer Tecnologies, para focar seu negócio em tecnologias relacionadas à cibersegurança.

A Intel adquiriu a empresa por US$ 7,68 bilhões em 2010 e, em 2014, decidiu eliminar a marca McAfee do software de segurança. No entanto, em 2017, um acordo com a TPG, que entrou como parceria no negócio, separou o software das principais operações da Intel, trazendo de volta o seu nome original.

Em outubro de 2020, a McAfee fez uma oferta pública de ações, arrecadando US$ 740 milhões para a abertura de seu capital. Apesar disso, a Intel e a TPG continuaram sendo as suas principais acionistas.

News de tecnologia e negócios Deixe seu melhor e-mail e welcome to the jungle.