WhatsApp: MP alerta sobre golpe que utiliza nome de promotores

1 min de leitura
Imagem de: WhatsApp: MP alerta sobre golpe que utiliza nome de promotores
Imagem: Pixabay
Avatar do autor

O Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) emitiu um alerta, nesta quinta-feira (13), informando que golpistas estão utilizando nomes de membros do MP para aplicar golpes no WhatsApp e e-mail.

De acordo com o órgão, a quadrilha tem enviado mensagens pelo aplicativo identificando-se como promotores de Justiça e pedindo depósitos bancários e apoio de motoristas e veículos durante deslocamentos. Esse tipo de golpe está sendo investigado no estado de Minas Gerais.

Além disso, os criminosos estão enviando e-mails com a logomarca do Ministério Público Federal (MPF). Os comunicados informam que as possíveis vítimas estão sendo intimadas para comparecer em audiências e ainda tem um link malicioso que pode permitir o acesso ao computador.

Golpe WhatsApp

O MPDFT explicou que o Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) instaurou um procedimento para investigar esses crimes, que configuram como estelionato ou falsidade ideológica.

“O Ministério Público não faz intimações por e-mail. Se algum representante ministerial entrar em contato diretamente com algum cidadão, servidores ou autoridades é recomendável a conferência dos dados pessoais e dos números de telefones utilizados junto às respectivas promotorias de justiça, mediante a consulta direta no site do Ministério Público da União ou do respectivo ramo citado”, alertou a entidade.

Conteúdos suspeitos e tentativas de golpes podem ser denunciados ao e-mail cpamp@cnmp.mp.br, através desse formulário eletrônico ou pelo telefone 0800 644 9500 (ligação gratuita).

Fontes