Criadora de Cyberpunk 2077, CD Projekt Red sofre ataque hacker

1 min de leitura
Imagem de: Criadora de Cyberpunk 2077, CD Projekt Red sofre ataque hacker
Imagem: CD Projekt Red
Avatar do autor

A CD Projekt Red, desenvolvedora de Cyberpunk 2077 e The Witcher 3, sofreu um ataque hacker nesta semana. Em um post nas redes sociais, a empresa revelou que foi vítima de um ransomware e teve parte de seus dados comprometidos.

A desenvolvedora de games descobriu o ataque ontem (8) e disse que alguns sistemas internos foram acessados pelos hackers. Alguns servidores foram criptografados pelos hackers, que enviaram um pedido de resgate para a empresa.

A CD Projekt Red disse que não vai negociar com os cibercrimonosos e pode recuperar as informações criptografadas por meio de backups. Por outro lado, a companhia afirma que informações sobre futuros projetos podem vazar dentro dos próximos dias.

Dados podem vazar

A CD Projekt Red disse que informações de jogadores não foram comprometidas. Por outro lado, os hackers conseguiram acesso a dados internos da empresa. "Não vamos negociar e estamos cientes de que isso pode levar à publicação de dados comprometidos", diz a companhia.

Bilhete enviado pelos cibercriminosos que hackearam a CD Projekt RedBilhete enviado pelos cibercriminosos que hackearam a CD Projekt RedFonte:  CD Projekt Red 

A empresa não disse quais informações foram captadas pelos hackers, mas o bilhete enviado pelos cibercriminosos pode ter pistas sobre os dados que foram vazados. Segundo a mensagem, os hackers roubaram informações fiscais da companhia e detalhes sobre projetos da empresa, incluindo códigos importantes de Cyberpunk 2077, informações sigilosas de Gwent e também da versão de nova geração de The Witcher 3: Wild Hunt.

A CD Projekt Red disse que já entrou em contato com autoridades sobre o ataque hacker. Como os cibercriminosos deram até 48 horas para a empresa oferecer uma resposta ao ataque, a tendência é que mais detalhes sobre o caso apareçam até amanhã (10).