Polícia Civil do RJ é hackeada e site fica fora do ar

1 min de leitura
Imagem de: Polícia Civil do RJ é hackeada e site fica fora do ar
Avatar do autor

O site oficial da Polícia Civil do Rio de Janeiro foi atacado na tarde desta terça-feira (26) e se encontra fora do ar. O ataque, identificado como deface, foi realizado por uma equipe conhecida como Noias do Amazonas, conhecida por desfigurações em sites e vazamentos de base de dados.

O deface funciona como uma pichação: um atacante coloca uma imagem, figura, texto, vídeo em algum domínio para passar uma mensagem. No caso, não houve mensagem, apenas assinatura.

O domínio policiacivil.rj.gov.br também foi afetado

Fora do ar, o domínio policiacivilrj.net.br serve para entregar ao cidadão mais informações sobre a corporação. Além disso, detalhes sobre concursos, organograma, contatos, localizador de delegacias etc. Até o momento, ainda é possível abrir um Boletim de Ocorrência online via Delegacia Online no site dedic.pcivil.rj.gov.br.

Ao acessar o site oficial da Polícia, é possível encontrar a assinatura dos autores do ataque: “hacked by SANNINJA & rauspretu”. Membro do Noias do Amazonas, Sanninja foi levado pela Polícia Federal para ser ouvido sobre o vazamento de dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), durante o primeiro turno das eleições, em 15 de novembro de 2020.

Até o momento, não há informações sobre vazamentos de credenciais, base de dados ou qualquer informação sensível presente no local.

pcDeface

Polícia Civil do RJ é hackeada e site fica fora do ar