Instagram é investigado na Europa por expor dados de menores

1 min de leitura
Imagem de: Instagram é investigado na Europa por expor dados de menores
Avatar do autor

O Instagram virou alvo de duas investigações na Europa por supostamente expor informações de 5 milhões de usuários menores de idade. As averiguações estão sendo realizadas pelo Comitê de Proteção de Dados da Irlanda, que recebeu uma denúncia do especialista de dados David Stier.

O especialista denunciou o caso nos Estados Unidos ainda em 2019, mas as investigações só ganharam proporção na União Europeia. Segundo Stier, o aplicativo contava com um buraco em sua interface que permitia aos usuários menores de idade publicar informações pessoais em seus perfis.

O Instagram permitia que menores de idade exibissem informações ao trocar para perfis profissionaisO Instagram permitia que menores de idade exibissem informações ao trocar para perfis profissionaisFonte:  9to5Google 

De acordo com a denúncia, a falha ocorria com a ferramenta de transição entre contas pessoais e profissionais. Apesar de o Instagram controlar as informações que menores podem exibir em perfis comuns, crianças podiam ganhar acesso a meios de divulgar detalhes como telefone ao mudar para uma conta empresarial.

Instagram se defende

O Instagram fez mudanças em seu sistema de contas empresariais para impedir que menores de idade exponham seus dados online. Porém, como mais de 5 milhões de usuários podem ter utilizado a função antes disso, a empresa pode receber uma multa bilionária.

Seguindo os valores estipulados pelas leis de proteção de dados da União Europeia, cada investigação pode render uma multa de 4% dos ganhos anuais do Facebook. Considerando a receita da empresa no ano passado, a multa pode ficar em torno de US$ 2,8 bilhões.

rede social se defendeu das acusações dizendo que não expôs os dados de ninguém, já que o usuário tinha que estritamente aceitar que suas informações ficassem públicas. "Sempre deixamos claro que quando as pessoas optam por abrir uma conta comercial no Instagram, as informações de contato que elas compartilham seriam exibidas publicamente", disse o Instagram, em comunicado. "Isso é muito diferente de expor as informações das pessoas".

Instagram é investigado na Europa por expor dados de menores