'Golpe do FBI' sequestra Android e acusa você de ver pornografia

1 min de leitura
Imagem de: 'Golpe do FBI' sequestra Android e acusa você de ver pornografia
Imagem: Freepik/kues1
Avatar do autor

Um novo ransomware para Android está tirando o sono de alguns usuários do Android ao redor do mundo. Isso porque o golpe não só criptografa os seus dados e libera o dispositivo somente após o pagamento de uma taxa, mas também se passa pelo FBI para ameaçar ainda mais o usuário.

O golpe se chama Black Rose Lucy e foi identificado pela empresa de segurança CheckPoint Security. Ele é originário da Rússia e existe desde 2018, mas uma nova variante dele voltou a circular sob um novo formato. Tudo começa quando você recebe no celular um vídeo para assistir e, ao abrir o reprodutor, recebe uma sugestão de baixar um "otimizador de streaming" chamado VSO.

Esse aplicativo é falso e, na verdade, é a porta de entrada para o ransomware, que ao receber a sua autorização criptografa todos os dados do seu dispositivo móvel.

"Aqui é o FBI"

Após a infecção, você só tem acesso a uma mensagem dos criminosos, que se passam pelo FBI. Eles alegam terem bloqueado o seu dispositivo por "acessar sites proibidos de pornografia" e ameaçam enviar seus dados e capturas da tela para as bases de dados do departamento de cibercrimes da agência.

O aviso que o usuário recebe após ter o aparelho travado.O aviso que o usuário recebe após ter o aparelho travado.Fonte:  Forbes 

Os bandidos ainda pedem uma "multa" de US$ 500 para liberar o acesso ao aparelho e prometem triplicar o valor se você tentar se livrar do dispositivo ou tentar desbloqueá-lo de outro modo.

Por enquanto, esse golpe foi só identificado em alguns países do Leste Europeu, mas a inclusão do FBI como contexto significa que os Estados Unidos também são um alvo em potencial. Além disso, nada impede que ele seja transportado para outras regiões, mesmo sem tradução para idiomas locais. A CheckPoint ainda ressalta que os ransomwares para dispositivos móveis estão cada vez mais difundidos — e ataques muito mais sofisticados devem surgir em breve.

Vale lembrar que, independente da situação, a recomendação é que você nunca pague o resgate de um golpe desse formato.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
'Golpe do FBI' sequestra Android e acusa você de ver pornografia