Usuários da Apple são os maiores alvos de phishing

1 min de leitura
Imagem de: Usuários da Apple são os maiores alvos de phishing
Imagem: Pixabay
Avatar do autor

Segundo um estudo da Check Point, empresa norte-americana de softwares, usuários da Apple são os maiores alvos de tentativas de phishing. No último trimestre de 2019, a companhia de Cupertino ficou em 7º lugar na lista das mais visadas nesse tipo de crime.

A segunda posição foi ocupada pela Netflix, considerada a maior plataforma de streaming de vídeo globalmente. Confira o top 10 completo, seguido da respectiva porcentagem de golpes de phishing em todo o mundo:

A Check Point também revelou que houve certa estabilidade na quantidade geral desse formato de cibercrime. Entretanto, tentativas com foco em dispositivos móveis aumentaram, ao passarem da terceira posição no último trimestre de 2019, para a segunda no início de 2020.

Pandemia influenciou posições do ranking

Captura de tela de tentativa de phishing para roubar credenciais da Microsoft.Captura de tela de tentativa de phishing para roubar credenciais da Microsoft.Fonte:  Check Point/Reprodução 

A justificativa para a mudança está na necessidade de isolamento social, diante da pandemia do coronavírus. Dessa forma, grande parte da população passou a usar mais o celular para trabalho, comunicação, acompanhamento de notícias e pagamento.

Inclusive, esse tipo de aparelho influenciou diretamente o interesse por alvos, como Netflix e Paypal. O primeiro como um dos principais meios de entretenimento online, e o segundo, como via de serviços bancários remotos.

A prática de phishing consiste na imitação de um site, app oficial e e-mail, para roubar dados de contas de usuários. Para isso, os criminosos podem enviar mensagens solicitando atualização de cadastro de acesso a um determinado serviço.

Usuários da Apple são os maiores alvos de phishing