Novo golpe rouba contas do WhatsApp com o código de verificação

1 min de leitura
Imagem de: Novo golpe rouba contas do WhatsApp com o código de verificação
Avatar do autor

Usuários do WhatsApp estão sujeitos a um novo golpe baseado no uso de códigos de verificação. De acordo com a ESET, empresa de proteção antivírus, o objetivo dos criminosos é ter acesso às contas de usuários que não têm a verificação em duas etapas ativada.

Segundo a empresa, o golpe começa com uma mensagem enviada pelo WhatsApp ou por SMS em que os criminosos se passam por um dos contatos na vítima. O “contato” escreve que um código de verificação foi encaminhado para o número da vítima por engano e pede que o código seja reenviado.

Na verdade, os criminosos solicitaram o acesso à conta da vítima em outro dispositivo e, por esse motivo, uma mensagem com um código de seis dígitos automática foi encaminhada para o número registrado.

Uma vez que o usuário reenvia aquela mensagem automática com o código, os criminosos concluem o processo de verificação. Um aviso do WhatsApp é enviado logo em seguida informando à vítima que ela perdeu acesso à conta. Nesse golpe é comum que os criminosos ativem a verificação em duas etapas rapidamente, dificultando assim uma possível recuperação.

(Midiamax/Reprodução)

Segundo o especialista em Segurança Informática da ESET na América Latina, Luis Lubeck, a melhor forma de evitar golpes como esse é através da verificação em duas etapas. Para ativar o recurso, é necessário acessar os Ajustes. E, dentro da aba “Conta”, clique na opção “Confirmação em duas etapas”.

Você vai registrar um PIN de seis dígitos que será solicitado na próxima vez que quiser ativar sua conta em um outro dispositivo. Além disso, também é necessário informar seu e-mail.

É possível ainda que o WhatsApp solicite essa senha periodicamente como uma forma de evitar leituras não autorizadas de mensagens. Assim, sua conta ficará protegida não apenas pelo número de telefone registrado, mas também por uma chave numérica e a um e-mail.

Fontes

Novo golpe rouba contas do WhatsApp com o código de verificação