Reconhecimento facial encontra foragidos no Carnaval de Salvador

1 min de leitura
Imagem de: Reconhecimento facial encontra foragidos no Carnaval de Salvador
Avatar do autor

A Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA) anunciou, nessa quarta-feira (26), ter capturado 42 foragidos da justiça durante o Carnaval de Salvador com o auxílio de um sistema de reconhecimento facial capaz de indicar semelhança acima de 90%.

De acordo com o órgão, a ferramenta flagrou 40 homens e 2 mulheres durante as festividades na capital baiana que estavam com ordem judicial de prisão, dos quais 2 envolvidos em casos de homicídios, 3 ligados a furtos, 13 relacionados ao tráfico de drogas e 14 procurados por roubos, além de outros casos.

Logo após o trabalho feito pelo aplicativo de reconhecimento facial da SSP-BA, as pessoas flagradas foram conduzidas pela polícia e ainda passaram por um processo de identificação humana, que em alguns casos contou com outro recurso tecnológico, o Face Check, que compara a foto da palma da mão dos suspeitos com o banco de dados de impressões digitais da secretaria.

A tecnologia teve diferentes utilidades no carnaval baiano. (Fonte: SSP-BA/Divulgação)

O secretário de segurança pública Maurício Teles Barbosa comemorou o sucesso na utilização da tecnologia: “O Carnaval de 2020 confirma o nosso pioneirismo no uso de tecnologia de ponta em grandes eventos. Começamos na festa do ano passado com o reconhecimento facial e tivemos um preso. Na Micareta de Feira alcançamos 33 foragidos e agora encerramos a folia de Salvador com 42 capturados”, disse ele.

Contagem do número de foliões

Além de contribuir para a prisão de foragidos da justiça durante um dos maiores Carnavais do Brasil, o sistema de reconhecimento facial da Secretaria de Segurança Pública da Bahia também possibilitou ter uma contagem mais próxima da realidade da quantidade de pessoas presentes à festa em Salvador.

Segundo o órgão, foram 11,7 milhões de pessoas aproveitando a folia na cidade entre os dias 20 e 26 de fevereiro, das quais 6,9 milhões nos bairros da Barra e Ondina. Já o circuito Osmar (Centro) teve a presença de 3,4 milhões de foliões, enquanto no Batatinha (Centro Histórico) a ferramenta registrou 1,4 milhão de pessoas.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Reconhecimento facial encontra foragidos no Carnaval de Salvador