IBM usou fotos do Flickr para treinar IA de reconhecimento facial

1 min de leitura
Imagem de: IBM usou fotos do Flickr para treinar IA de reconhecimento facial
Avatar do autor

A IBM utilizou cerca de 1 milhão de fotos do Flickr, o mais famoso repositório de imagens de fotógrafos amadores e profissionais do mundo, para treinar a sua inteligência artificial de reconhecimento facial.

A empresa não notificou os proprietários dos arquivos e, portanto, milhões de pessoas tiveram seus rostos utilizados como base de treinamento para um recurso de inteligência artificial sem o seu consentimento. “Nenhuma das pessoas que eu fotografei tem a menor ideia de que suas imagens foram usadas para isso”, comentou um fotógrafo ao site da NBC.

As imagens estavam publicadas sob uma licença de Creative Commons (CC) que permite alguns tipos de uso dos arquivos gratuitamente, com os limites sempre definidos pelos donos das fotografias. E, vale dizer, não foi a IBM a responsável pela compilação: ela acessou o banco de dados YFCC100M, organizado pela Yahoo, a antiga dona do Flickr, para fins de pesquisa e que reúne 99,2 milhões de fotografias em CC.

Em suma, apesar de não ter violado nenhuma regra, essa situação mostra um problema ético do uso desautorizado de imagens de pessoas para treinar um sistema de reconhecimento facial.

IBM não revela quais fotos foram usadas no processo, mas o NBC criou uma ferramenta que permite aos fotógrafos descobrirem se as suas fotos foram utilizadas por meio do seu nome de usuário. De qualquer forma, a dica para evitar esse tipo de problema é revisar as licenças de compartilhamento definidas por você na hora de guardar suas fotos no Flickr.

IBM responde

Em nota à imprensa, a IBM se posicionou sobre o caso. “Levamos bastante a sério a privacidade dos indivíduos e tomamos muito cuidado para respeitar os princípios de privacidade”, afirmou a companhia. Além disso, ela afirmou que quem se sentir lesado pode solicitar a remoção de sua imagem desse banco de dados.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
IBM usou fotos do Flickr para treinar IA de reconhecimento facial