Google e Think Olga lutam contra assédio sexual no Carnaval

1 min de leitura
Imagem de: Google e Think Olga lutam contra assédio sexual no Carnaval
Avatar do autor

A Google e a ONG Think Olga fecharam um acordo para este Carnaval, a fim de combater o assédio sexual durante as festas que acontecem em todo o Brasil. A parceria vai oferecer o Google Assistente para as pessoas relatarem casos de assédio diretamente do smartphone.

É só usar o comando de voz:  ‘OK Google, como reportar assédio sexual’

“Agora, ao falar ‘OK Google, como reportar assédio sexual’ para o Google Assistente, o celular vai trazer os contatos da Central de Atendimento à Mulher em Situação de Violência (180) e da Polícia Militar (190), além de indicar o site da Think Olga para mais informações sobre o tema”, explica a Google. “No site da ONG, as pessoas podem descobrir mais sobre os exemplos de conduta de assédio sexual, como acolher as vítimas dessa violência, como denunciar e suas implicações jurídicas”.

Se você tem um iPhone, o Google Assistente pode ser usado ao baixar o aplicativo na App Store. Em aparelhos Android, basta pressionar o botão home para ativar o aplicativo.

googleAssistente

Categorias

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Google e Think Olga lutam contra assédio sexual no Carnaval