Você aí que está procurando por itens mais baratos na seção de leilão de produtos apreendidos pela Receita Federal, tome cuidado: uma página falsa vem se passando pelo órgão, inclusive com uma identidade visual semelhante, com o objetivo de obter seu dinheiro, por meio de pagamento de boleto de mercadorias inexistentes, e de dados como RG, CPF e comprovante de endereço.

Embora, os cuidados com links e sites maliciosos sejam amplamente divulgados, uma pessoa já caiu neste golpe, segundo da Delegacia da Receita Federal em Jundiaí (SP). A Polícia Federal está de olho e vale reforçar que todos mantenham seus navegadores atualizados, tenham opções de antivírus e antiphishing e sempre desconfie de endereços com erros gráficos e de português, ou aqueles que pedem por informações que você não daria facilmente para os outros por aí.

A Receita esclarece que os leilões de mercadorias não são realizados em sites privados. O único canal disponível é o Sistema de Leilões Eletrônicos, acessado por meio do site da Receita Federal. Para participar, é necessário ter um certificado digital no Centro Virtual de Atendimento ao Contribuinte — e-CAC.

Cupons de desconto TecMundo: